DEFUNTA REPÚBLICA DE MENTIRA

"(...) É, todavia, difícil compreender por que, até o fim do reinado de Pedro II, o Brasil era um país mais promissor que os EUA, mais importante que a China, a Índia, o Japão, a Coréia e quase todos os países europeus - de onde vieram muitos imigrantes - e hoje ocorre o oposto: (...)" - (Dr. José Carlos de Almeida Azevedo)

Defender a manutenção da imundície da Ilegítima Ditadura Republicana Genocida Brasileira, que seguiu matando pelo futuro milhões com suas inconsequências, negligências, omissões... É de uma falta de conhecimento extrema, de uma burrice crônica absoluta, ou de uma voracidade predatória sem precedentes... Apenas caindo Dilma com o seu "Perda Total", mesmo que seja junto com suas coligações (Partidos dos Partidos...) das Organizações Criminosas das Facções Narco-Psicopatas-Partidárias-Copartícipes dos Regimes Síndico-Comuna-Socialistas-Golpistas, da Máquina de Prostituição Parlamentar do Poder Central Republicano, Alinhada a Política Transnacional Continental Latina Americana do Foro de São Paulo... Quase nada mudará nessa decadente República de mentira nunca proclamada de fato - a sujeira mais uma vez apenas mudará de mãos.

O Brasil é escravizado por uma caricatura republicana presidencialista moralmente ilegítima abortada defunta como regime totalitário, cujas suas predadoras consequências se estenderam pelo futuro numa sucessão de ditaduras civis e militares... Nódoa negra do hoje paradoxalmente dito Exército do monarquista Caxias do Exército Imperial Brasileiro. Aliciados por meia dúzia de traidores da pátria discípulos da Seita Positivista, alguns militares do Exército Imperial foram utilizados como ferramenta executora do trabalho sujo que mergulhou o país nas trevas, com a desastrosa inauguração da primeira ditadura militar da História do Brasil em 15 de novembro de 1889, acabando com a democracia da Monarquia Constitucional Parlamentar Representativa do promissor respeitável Império do Brasil, que ombreava com as outras três nações mais poderosas, cuja sua Armada Imperial somada a Marinha Mercante, foi a 2ª Potência Naval da terra. Num determinado momento da nossa história, já fomos mais poderosos do que os Estados Unidos da América do Norte.

No desastre do Flagelo Republicano, entre mandos e desmandos nesses 126 anos de estagnação, se somam: "12 Estados de Sítios, 17 Atos Institucionais, 6 Dissoluções do Congresso, 19 Revoluções ou Intervenções Militares, 2 Renuncias Presidenciais, 3 Presidentes Impedidos, 4 Presidentes Depostos, 6 Constituições Diferentes, 4 Ditaduras e 9 Governos Autoritários"... Mais os últimos 30 anos de retrocessos perdidos num oceano de esgoto sem precedentes na História do Brasil, com a 6ª tentativa ressuscitadora do pesadelo da tragédia dessa fracassada Nova República Salvadora da Pátria perdida em si mesma, que além de produzir desde 1985 mais de 3.000.000* de assassinatos (*Incluindo as mortes provocadas pelos desserviços e/ou omissões dos sucessivos desgovernos), nos conduziu mais uma vez a um terrível vazio. E, tudo indica que a burrice ou obscuras ambições dos dementes políticos predadores devoradores da pátria, indiferentes ao que já funcionou a contento na história dessa nação fundada em 1822 como Império, continuarão como insaciáveis varejeiras investindo no engodo de novas inúteis defuntas repúblicas, que têm sido sinônimos de Desgraça Nacional. (Emanuel Nunes Silva)

quarta-feira, 26 de novembro de 2014

Intervenção Federal Constitucional

- Apresentação -
O Brasil não possui melhor opção neste degradado ambiente de inconstitucionalidades desta fracassada República. O Momento Político é oportuno para o reencontro dos brasileiros com a sua História, com as suas tradições, com o seu destino de grandeza interrompido por uma traição; redirecionando a Nação Brasileira a sua original Vocação de Grandeza Imperial, onde cargo político é missão. Basta lembrar ao povo que já estivemos bem na História, e aos militares do Exército que seu Patrono é o Duque de Caxias.  

Quando os TRÊS PODERES estão corrompidos a INTERVENÇÃO CONSTITUCIONAL passa a ser uma consequência natural, um mero cumprimento da lei, mesmo que ninguém venha solicitá-la. Ou as FFAA cumprem com seus DEVERES CONSTITUCIONAIS ou TRAEM A NAÇÃO – simples assim!... 

Responsabilizo as FFAA por continuarem subservientes a uma ideologia do Crime Politiqueiro Partidarista, prolongando a agonia da população brasileira, refém do predador organismo das Facções Narco-Psicopatas-Partidárias-Copartícipes dos Regimes-Síndico-Comuna-Socialistas-Golpistas, da Máquina de Prostituição Parlamentar do Poder Central Republicana, Alinhada a Política Transnacional e Continental Latina Americana do Foro de São Paulo. 

Se estas forças não esboçarem nenhuma reação, ignorando suas obrigações e deveres constitucionais – se omitindo... Então vossos juramentos ao Pavilhão Nacional Republicano inventado pelos golpistas devotos da Seita Positivista em 1889, é uma mentira. Trairão mais uma vez a nação ― Além de provarem ser subservientes a uma ideologia da politicagem partidarista inútil em detrimento da pátria, continuarão sendo responsáveis pelo massacre de duas centenas de milhares de brasileiros anualmente, promovidos pelos desserviços a partir do Poder Central – exemplo macabro que a tudo contamina e destrói a níveis: federal, estadual, municipal, empresarial...

Essa Desgraça Nacional Republicana é responsabilidade do Exército dito de Caxias, e lhe cabe o dever e a obrigação em desfazer seu malfeito sem que ninguém o autorize para que o faça... Devolvendo o Brasil para os brasileiros. Ninguém o autorizou quando aliciado por meia dúzia de discípulos da Seita Positivista, que nada tem de Cruz, tampouco com o Cristianismo, inventou à revelia com um Golpe de Alta Traição, a Ditadura Republicana dos Estados Unidos do Brasil em 15 de novembro de 1889. Então que conserte a sua lambança. Nada mais coerente e justo o Exército devolver o que nos foi tomado: a Monarquia Parlamentar Representativa Imperial, se livrando dessa nódoa negra que envergonha esta instituição.
- Introdução -
A • A partir de 1923, 25 de agosto, o dia do nascimento do Marechal-de-Exército do Império do Brasil em 1803, Luiz Alves de Lima e Silva e Duque de Caxias, passou a ser considerado o Dia do Soldado ― E por Dec. 51929 de 13 mar 1962, como o Patrono do Exército Republicano Brasileiro. O Soldado Caxias se forjou no Exército Imperial Brasileiro, de cujo seio emergiu no cenário nacional, como um dos maiores brasileiros de todos os tempos. Caxias prestou à Pátria mais de 60 anos de excepcionais e relevantes serviços, tanto como político e administrador de contingência inigualáveis, como soldado de vocação e tradição a serviço da Unidade, da Paz Social, da Integridade e da Soberania Brasileira. 

B • Caxias se vivo estivesse, jamais permitiria o Crime de traição à pátria de 15 de novembro de 1889, articulado pelos traidores da pátria: Marechal Deodoro da Fonseca (utilizado como marionete executora do trabalho sujo), Marechal Floriano PeixotoBenjamin Constant Botelho de MagalhãesQuintino BocaiuvaRuy BarbosaCampos SalesAristides LoboDemétrio Ribeiro e o Almirante Eduardo Wandenkolk – todos membros regulares da Maçonaria Brasileira; todos membros de uma sociedade secreta da Faculdade de Direito do Largo de São Francisco, da Universidade de São Paulo, chamada de "Bürschenschaft Paulista", ou "Studentenverbindung" (algo como confraria da camaradagem, em alemão), mais conhecida como "Bucha", criada, em 1831, pelo Professor Julius Frank (1808 - 1841). 
C • A Tragédia Republicana do Crime Politiqueiro Partidarista Governista Presidencialista é responsabilidade exclusiva desse Exército que se julga o do Soldado Caxias do Exército Imperial – Essa Desgraça Nacional é unicamente coisa desse Exército Republicano, que além de ter aniquilado a Armada Nacional Imperial (Marinha de Guerra) para impor a lambança Ideológica Republicana da Seita Positivista, assassinou durante os primeiros 10 anos, cerca de 200.000 brasileiros (incluindo crianças, mulheres, anciãos e ex escravos) que de alguma forma se opuseram a imposição arbitrária do regime republicano, numa época em que a população era 11 vezes menor – o que corresponde na atualidade a um genocídio de 2.000.000 pessoas. 

Se esse Exército fosse realmente o do Monarquista Caxias, não estaria subserviente às Ideologias do Crime Politiqueiro Partidarista Governista Presidencialista  há muito já teria desfeito sua lambança de 1889, desproclamado essa inútil predadora malfadada REPÚBLICA de mentira que é um GOLPE na sua origem – além de ter pedido desculpas a Nação.
D • O estrago Ideológico Socialista/Comunista no Magistério foi catastrófico. Depois de especialmente o Exército dito do Monarquista Caxias, deixar de trair a Pátria com sua subserviência ao Crime Politiqueiro, Partidarista, Demagogo, Populista; honrando seus juramentos, cumprindo com seus Deveres Constitucionais aos quais foi destinado − executando seu trabalho com justiça e competência, para defender o Brasil com suas próprias vidas se necessário for, dos seus inimigos internos e externos... Uma nova geração de professores vai surgir para ensinar − e não mais doutrinar. Caso seja feito o que tem que ser feito de fato: desta vez não haverá a benevolente Anistia depois da Desinfestação Ampla, Geral e Irrestrita. 
E • Professores não comprometidos com ideologias Socialistas/Comunistas... Depois que as FFAA deixarem de serem subservientes ao Crime Politiqueiro Partidarista e cumprirem com suas obrigações e deveres constitucionais, teremos que formar uma nova geração de professores, pois o estrago foi devastador. Entendam que o mero cumprimento da Lei pelas instituições criadas e preparadas continuamente, para defenderem o Brasil dos seus inimigos internos e externos − inclusive a própria constituição há muito violentada: não se implora... 
F • Não cabe a vítima, o cidadão lobotomizado desde tenra idade nos bancos das escolas por ideologias alienígenas as nossas legítimas raízes históricas e tradições, ensinar principalmente ao seu Exército dito do Monarquista Caxias o seu trabalho: esse povo não existe mais − restou apenas uma minoria pensante dividida entre Intervencionistas, Intervencionistas−Monarquistas, e Monarquistas — Os Impeachmistas apenas iludiram milhões de brasileiros, para como um rebanho de cordeirinhos, marcharem em direção ao abismo. Tragédia anunciada e denunciada por nós Intervencionistas e Monarquistas... E deu no que deu. 
G • Impressionante é quem protesta contra as comemorações do 31 de março de 1964, são todos Comunistas/Socialistas que sentem aversão as cores verde e amarela ― Estranho que essa gente nunca se mobiliza para protestar contra as Inconstitucionalidades dos crimes dos últimos Desgovernos. Nunca houve "Golpe de 64" – o que ocorreu de fato, foi a população sair às ruas aos milhões praticamente implorando, para que as FFAA intervissem no processo de comunização do país que avançava impiedosamente. Nunca vi em lugar algum Golpe aclamado por 90% da população. Golpe de fato por aqui foi o de 15 de novembro de 1889 ― A República Brasileira é um golpe na sua origem; quem defende a manutenção do regime político republicano brasileiro, defende mesmo que seja ingenuamente: GOLPE e GOLPISTAS. 
H • ➔ Pergunto: Se meia dúzia de traidores, todos maçons devotos da Seita Positivista inventada por um francês juntinho com sua musa inspiradora Clotilde de Vaux, derrubaram arbitrariamente o respeitável Império do Brasil com um Golpe Militar, sem nenhuma participação popular, inaugurando o primeiro Estado de Exceção Totalitário Ditatorial Militar Republicano da História do Brasil – como classificar os sucessivos Golpes que se estenderam pelo futuro gerados por essa mesma Matriz Golpista?... Quem defende uma Legal Intervenção Federal Constitucional com a ajuda das FFAA, simplesmente intencionando um novo Regime Miliar, aos moldes do principiado em 1964, não projetando em no máximo 4 anos, depois das Forças Armadas fazerem uma desinfetação ampla geral e irrestrita: a derrubada dessa República de Mentira abortada defunta, devolvendo aos brasileiros o verdadeiro Brasil usurpado pelos golpistas em 1889 – na prática não passam de Golpistas, mesmo que ainda não tenham atentado para estes fatos.
Dr. Antônio José Ribas Paiva (Intervenção Constitucional)
- I -
O Impeachment da presidente no atual Estado Deplorável de Coisas é o mesmo que trocar a sujeira de mãos; não adianta apenas espantar uma das varejeiras da Carniça Republicana Brasileira. 
Nessa desconjuntura, o Impeachment representa a continuidade do crime no poder.
• 
01 • O Impeachment da presidente no atual Estado Deplorável de Coisas é o mesmo que trocar um Mar de Lama por um Oceano de Imundícies... É inútil espantar apenas uma das Varejeiras da Carniça Republicana Brasileira. Impeachment sem um desdobramento amplo do leque, de forma a nocautear as Organizações Criminosas Políticas/Partidárias, nas essências das suas abrangências... Será a continuidade: do crime no poder, da promiscuidade partidarista republicana das propagandas enganosas, da demagoga degradada predadora classe política comprometida ideologicamente com o Foro de São Paulo. 
  
02 • No Esgoto Moral da Classe Política Republicana Brasileira que vandaliza a nação, o Impeachment de um presidente, apenas favorece os interesses partidários e muda a sujeira de mãos, além de não ter o poder para banir do Território Nacional os partidos envolvidos com o crime, mais o Partido dos Traidores da Pátria com seus tentáculos coligados, coesos a dezenas de inúteis Partidos Satélites — com propósitos obscuros, para servirem-se da nação, em benefício das suas ambições predadoras, em prol de uma União Internacional Socialista & Comunista, onde todos envolvidos, que sejam de forma explícita, velada ou por omissão, nessas cumplicidades, são copartícipes da Organização Transnacional da Pátria Grande do Foro de São Paulo, em detrimento do desenvolvimento humano, qualidade de vida e da felicidade da população brasileira. 
 
03 • Na atual desconjuntura, um Impeachment, representa a continuidade do crime no poder. Apenas com a Intervenção do povo & Constitucional Militar, prevista na Carta Política Brasileira, será possível reverter o quadro catastrófico que se desenha. SE UTILIZAR LEGITIMAMENTE HOJE DE UMA INTERVENÇÃO CONSTITUCIONAL, SEM DERRUBAR A PRINCIPAL CAUSA DA DESGRAÇA NACIONAL, É SE LIMITAR NOVAMENTE A UM GRANDE NADA. A INTERVENÇÃO NÃO PASSA DE UMA EMERGÊNCIA DO PRESENTE PREVISTA NA LEI, PORÉM SEM DERRUBAR A INÚTIL ILEGÍTIMA FORMA DE GOVERNO PRESIDENCIALISTA REPUBLICANA BRASILEIRA, SERÁ UM INVESTIMENTO CERTEIRO NUM NOVO FRACASSO. 
04 • Impeachment de um Presidente nesse Estado Desconjuntoral de Coisas Aparelhadas já Institucionalizadas & Constitucionalizadas, apenas contribui para o prejuízo de todos, em função do prolongamento da agonia dessa Decadente República de Mentira, redirecionando mais uma vez o Brasil a um novo Nada Absoluto. Derrubar a Fracassada Forma Republicana de Governo é a Solução Definitiva contra os Corrosivos Políticos que não passam de Predadoras Hienas, agrupadas & Coligadas ao Crime Partidarista. Essa Desgraça Nacional Republicana é Responsabilidade do Exército dito de Caxias, e cabe a esse Exército o dever e a obrigação em desfazer seu malfeito sem que ninguém o autorize para que o faça... Devolvendo o Brasil para os brasileiros. Ninguém o autorizou quando inventou à revelia a Defunta República dos Estados Unidos do Brasil em 15 de novembro de 1889. Então que conserte a sua lambança. 
 
05 • Impeachment nessa República Marxista-Leninista-Positivista-Gramscista-Nazista inventada arbitrariamente pelo próprio Exército, a partir do Golpe de Traição e Lesa Pátria de 15 de novembro de 1889, paradoxalmente hoje defendida pela burrice induzida ou amnésia coletiva, como a Forma ideal de Governo para o Brasil, mesmo com a sua lamentável história predatória de sucessão de ditaduras civis e militares que arruinou com a nação Brasileira, nos conduzindo pela sexta vez a uma Treva Abissal sem precedentes na História do Brasil desde 1500 – inevitavelmente, providencialmente se metamorfoseará no desencadeamento de uma desesperada corrida da predadora classe política republicana brasileira envolvendo todos os partidos, objetivando uma blindagem sem precedentes sobre seus Crimes (se preferir: Mal Feitos e/ou Desserviços) — Traduzida numa avassaladora anistia ampla geral e irrestrita; Institucionalizando & Constitucionalizando os crimes políticos partidários. Essa insana impunidade almejada pelos Marginais da Política Brasileira, inevitavelmente favorecerá um desdobramento drástico, atingindo devastadoramente sem piedade todos os setores da sociedade.

Antônio José Ribas Paiva - Advogado
■ Tribunal Militar aos traidores da Pátria.
https://www.youtube.com/watch?v=iVYngIONWFk&feature=share

➤ Aos 0:33 - "O Brasil em 1889 quando foi proclamada a República, era a Segunda Potência Militar&Econômica do mundo. (...) A República foi um ato de traição. (...) Quando estes canalhas forem para a cadeia, o Brasil em três anos ultrapassa a Alemanha, é a 4ª potência mundial (...) Eu sou pelo Império da Lei. O que a lei determina tem que ser cumprido. Pouca gente sabe que o Código Penal Militar tem 9 Artigos, que preveem a morte por fuzilamento dos traidores da Pátria. E não se aplica apenas aos militares não, o Código Penal Militar incluí os crimes que se aplicam a todos... Por exemplo: TRAIÇÃO À PÁTRIA. E todos eles estão incursos nesse Artigo, todos os Presidentes dessa Nova República (6ª República) traíram ao Brasil, acabaram com o futuro da nação. Nós temos que repescar isso. Agora se eles forem condenados à execução serão fuzilados, não tenham a menor dúvida. (...)"- [Advogado Antônio José Ribas Paiva] 

06 • Depois de prender, julgar por um Tribunal Militar Isento e punir os envolvidos com o CRIME: mudar a Forma de Governo — Criar novos partidos (no máximo 5; por aqui mais do que isso já é formação de quadrilha) com pessoas idôneas para disputarem novas eleições num ambiente saudável, de forma diferente de se pensar o Brasil... Para os brasileiros, e não para os políticos... Onde Cargo Político é Missão. 

07 • Todos Partidos nas suas cumplicidades pecam por coparticipação, conivência, omissão, ou por se submeterem a ridícula função de partidos satélites – marionetes que orbitam os principais partidos, por sua vez, com suas coligações & alianças, alimentam com seus desserviços a promiscuidade generalizada política republicana brasileira, bombando a orgia dos inúteis 35 partidos, que além de nada acrescentarem... Só subtraem — Pululando... Procriam e se multiplicam...

Organizações Criminosas das Facções Narco-Psicopatas-Partidárias.
 Organizações Criminosas das Facções Narco-Psicopatas-PartidáriasCopartícipes dos Regimes-Síndico-Comuna-Socialistas-Golpistas, da Máquina de Prostituição Parlamentar do Poder Central Republicana, Alinhada a Política Transnacional Continental Latina Americana do Foro de São Paulo.

08 • CRIME ORGANIZADO POLÍTICO PARTIDÁRIO — Todos Partidos nas suas cumplicidades pecam por coparticipação, conivência, omissão, ou por se submeterem a ridícula função de partidos satélites – marionetes que orbitam os principais partidos, por sua vez, com suas coligações & alianças, alimentam com seus desserviços a promiscuidade generalizada política republicana brasileira, bombando a orgia dos inúteis 35 partidos, que além de nada acrescentarem... Só subtraem — Pululando... Procriam e se multiplicam...: (10: PRB) - (11: PP) - (12: PDT) - (13: PT) - (14: PTB) - (15: PMDB) - (16: PSTU) - (17: PSL) - (18: REDE) - (19: PTN) - (20: PSC) - (21: PCB) - (22: PR) - (23: PPS) - (25: DEM) - (27: PSDC) - (28: PRTB) - (29: PCO) - (30: NOVO) - (31: PHS) - (33: PMN) - (35: PMB) - (36: PTC) - (40: PSB) - (43: PV) - (44: PRP) - (45: PSDB) - (50: PSOL) - (51: PEN) - (54: PPL) - (55: PSD) - (65: PCdoB) - (70: PTdoB) - (77: SD) - (90: PROS) ● Comissão Nacional da Verdade, Pátria Educadora, Programa Mais Médicos, UNESCO, MEC, UNE, MME, OEA, UNASUL, URSAL, BRICS, MERCOSUL, SINDICATOS, CUT, MST, LGBT, MARGARIDAS, NARCOTRÁFICO, FORO de São Paulo, Sistema de Privatização das Estatais, Indicação Política Partidária no Poder Judiciário... E por aí vai ► A República não cumpriu à que veio: FRACASSOU seis vezes consecutivas desde o GOLPE MILITAR de 15 de novembro de 1889 ▬ Único GOLPE de fato ocorrido na história do Brasil Independente  
Esta forma de protesto contra a TRAGÉDIA do CRIME ORGANIZADO POLÍTICO PARTIDÁRIO REPUBLICANO BRASILEIRO, é mais produtiva do que rasgarem os Títulos de Eleitores como muitos já estão fazendo: 

 Quando os TRÊS PODERES estão corrompidos a INTERVENÇÃO CONSTITUCIONAL passa a ser uma consequência natural, um mero cumprimento da lei, mesmo que ninguém venha solicitá-la. Ou as FFAA cumprem com seus DEVERES CONSTITUCIONAIS ou TRAEM A NAÇÃO – simples assim!... 
- II -
Intervenção do povo & Constitucional Militar, prevista na Carta Política Brasileira.
SE UTILIZAR LEGITIMAMENTE HOJE DE UMA INTERVENÇÃO CONSTITUCIONAL, SEM DERRUBAR A PRINCIPAL CAUSA DA DESGRAÇA NACIONAL, É SE LIMITAR NOVAMENTE A UM GRANDE NADA. A INTERVENÇÃO NÃO PASSA DE UMA EMERGÊNCIA DO PRESENTE PREVISTA NA LEI, PORÉM SEM DERRUBAR A INÚTIL ILEGÍTIMA FORMA DE GOVERNO PRESIDENCIALISTA REPUBLICANA BRASILEIRA, SERÁ UM INVESTIMENTO CERTEIRO NUM NOVO FRACASSO — Mais uma vez adicionado ao universo das inúmeras crises institucionais&constitucionais, cada vez mais gigantes no desastre do flagelo republicano brasileiro, dos Mandos e Desmandos Governamentais, ao longo dos seus 126 anos de tortuosos meandros de falcatruas, fracassos, retrocessos... Ilusões – que já se somam 12 Estados de Sítios, 17 Atos Institucionais, 6 Dissoluções do Congresso, 19 Revoluções ou Intervenções Militares, 2 Renuncias Presidenciais, 3 Presidentes Impedidos, 4 Presidentes Depostos, 7 Constituições Diferentes, 4 Ditaduras e 9 Governos Autoritários... Culminando neste esgoto de inconstitucionalidades sem precedentes na História do Brasil desta trágica Nova República (6ª República) que agoniza. 


 Amazing Grace (Maravilhosa Graça)
https://www.youtube.com/watch?v=5hxURyhOTnM&feature=share 

República no Brasil é uma Aberração do Positivismo materializada como GOLPE DE ESTADO POLÍTICO-MILITAR, imposta arbitrariamente por meia dúzia de traidores da pátria devotos da Seita Positivista (Religião da Humanidade), todos sem exceção, maçons. Religião parida pelo Francês ateu Auguste Comte junto com sua musa inspiradora Clotilde de Vaux (considerada a mãe espiritual da Igreja Positivista do Brasil e da Religião da Humanidade), que devorou a Identidade, Independência, Liberdade e Soberania do Estado Brasileiro, alcançadas após o Grito do Ipiranga de 7 de setembro de 1822. Chega de novas aventuras salvadoras da pátria nesse cadáver republicano abortado como o primeiro Estado Totalitário. Chega de novas experiências nessa República que sempre foi sinônimo de Desgraça Nacional.

➤ Faz-se necessário a Monarquia Parlamentarista Constitucional Representativa, resgatar a Democracia Imperial usurpada dos brasileiros pelas Varejeiras hoje habitantes da Montanha de Estrume Política Partidarista Republicana onde infestam, se reproduzem, multiplicam e se lambuzam... Num deleite de mau-caratismo inescrupuloso sem precedentes na História Política Universal, vem imobilizando e sufocando a nação desde o Golpe de Traição e Lesa Pátria da Seita Positivista de 15 de novembro de 1889.
● Desperdiçaram oportunidade única com essa inutilidade de Impeachment. Se a política republicana brasileira não fosse um Circo de Horrores, e estivéssemos em pleno Estado Democrático de Direito; até que resolveria alguma coisa... Mas não é o caso dessa Decadente República de Mentira. O correto seria pedir o Fim da República Brasileira que fracassou pela 6ª vez. No mínimo para os desinformados seria pedir o banimento do PT junto com todos os partidos coligados copartícipes do Foro de São Paulo. Obviamente que apenas a extinção do PT, já faria dessa palhaçada de Impeachment um grande nada.
https://plus.google.com/+EmanuelNunesSilva/posts/9SFAwnivtkC 
1. Salvaguarda dos interesses e exaltação dos valores nacionais.
2. Sentimento de pertencer a um grupo por vínculos raciais, linguísticos e históricos que reivindica o direito de formar uma nação autônoma.


■ IVES GANDRA MARTINS - IMPEACHMENT - STF - OS PODERES SOB SUSPEIÇÃO - INTERVENÇÃO MILITAR
https://www.youtube.com/watch?v=etnN4U7x5r0&feature=share

Generais!... Assumam vossas responsabilidades: obrigações e deveres constitucionais jurados perante o Pavilhão Republicano que os senhores mesmos inventaram.

Foi a partir de um Golpe de Traição ao Estado Brasileiro, caracterizado e executado como Golpe Militar, sem honra ou grandeza, que esta Farsa Republicana foi implantada à força por meia dúzia de conspiradores traidores da pátria, todos devotos da Seita Positivista inventada pelo francês Auguste Comte e sua Musa Inspiradora Clotilde de Vaux, à revelia da vontade da maioria – sem prévia consulta popular, em 15 de novembro de 1889; maculando a reputação do Exército de Caxias (que se vivo estivesse! jamais permitiria tamanha lambança), até que este Crime seja reparado ou ao menos reconhecido — Desta forma, até que esse malfeito não seja desfeito, essa República continua sendo moralmente redundantemente ILEGÍTIMA, ILEGAL e IMORAL.


■ Dilma já Caiu! Quanto Pior Melhor!
https://www.youtube.com/watch?v=klPDw5u7HJY 

O único GOLPE de fato que ocorreu por aqui, foi o Militar em 15 de novembro de 1889, quando o Brasil foi usurpado dos brasileiros, pelo primeiro REGIME TOTALITÁRIO REPUBLICANO da nossa História, cujas suas predadoras consequências se desdobraram pelo futuro em sucessivas INSURREIÇÕES, dentro do ambiente ilegítimo degradado dessa República Golpista de mentira abortada defunta. Por ingenuidade ou burrice induzida, ironicamente as pessoas mal sabendo do que seja ser republicano nesse país, batizam estes LEVANTES ocorridos já neste Estado Deprimente de Coisas com Pretensão de Direito, que têm sido meras brigas de Quadrilhas do Crime Organizado Político Partidário: de Golpes.

A ■ Como derrubar a DITADURA implantada pelo PT e o STF?
https://www.youtube.com/watch?v=SDxWAoadZM0
■ B ■ C ■ D E ■ F

Jamais essa Alienígena República Golpista foi solução para qualquer coisa no Brasil. Agora pretendem abortar na escuridão dos abissais desse Oceano de Imundícies uma Nova Defunta 7ª República Parlamentarista Salvadora da Pátria. Vejo que todos os caminhos com alguma coerência apontam para a Desproclamação da Farsa Republicana Brasileira, seguida da Restauração do Império do Brasil que nunca deveria ter deixado de existir — Respeitando a cronologia na escala do tempo, foi a Forma de Governo que melhor funcionou nesse país — só caindo por meio de um Golpe de Traição. 

Nada justifica a manutenção do Golpe Republicano que descaracterizou e mutilou este país. O Brasil perdeu seu status de nação respeitada quando ombreava com as três potências globais, fazendo com que perdesse sua identidade, seu rumo, a autonomia e a auto-estima. A República não cumpriu à que veio, se perdeu em si mesma nas suas mediocridades... Fazendo com que deixássemos de ser...  
URL

“Maior prova de arrependimento e vergonha, daquele que encarnava a virtude do exército não poderia existir. A República foi proclamada sem grandeza à custa de mentiras, e seu proclamador quis ser enterrado sem a farda que caracterizava a instituição que dizia liderar. E hoje temos paradoxo do Brasil se pretender democrático e sério, e fazer um FERIADO NACIONAL em dia de GOLPE DE ESTADO.” 
- III -
A Desgraça Nacional Republicana é coisa do Exército 

Apenas uma Intervenção Militar Legal&Constitucional (artigos 1º, 2º, 142º e 144º), sem derrubar a degradada fracassada inútil defunta Forma Republicana de Governo Presidencialista Brasileira, também não resolve. Seria o mesmo que continuar insistindo ingenuamente nos mesmos erros, na ilusão de se obter finalmente desta vez resultados diferentes... Em 1889 meia dúzia de Traidores da Pátria membros da Seita Positivista, arbitrariamente abortaram o Primeiro Estado de Exceção Totalitário Genocida Republicano Brasileiro, desencadeando uma sucessão de fracassos que se estenderam pelo futuro... Culminando com as imundícies desse Oceano de Esgoto Moral sem precedentes em Terra de Santa Cruz.
https://www.youtube.com/watch?v=Md296TtAUPA
■ Pátria Amada - Programas: 01 - 02 - 03 - 04 - 05
Quando os TRÊS PODERES estão corrompidos a INTERVENÇÃO CONSTITUCIONAL passa a ser uma consequência natural, um mero cumprimento da lei, mesmo que ninguém venha solicitá-la. Ou as FFAA cumprem com seus DEVERES CONSTITUCIONAIS ou TRAEM A NAÇÃO – simples assim!...


■ Decalogo de Lenin - nova edição
https://www.youtube.com/watch?v=UHfBrVB5X5w

■ CONHEÇA O DECÁLOGO DE LENIN QUE O PT SEGUE A RISCA PARA DOMINAR O BRASIL
https://www.youtube.com/watch?v=Ham4PNhayCA
A • Essa Desgraça Nacional Republicana é responsabilidade do Exército dito de Caxias, e lhe cabe o dever e a obrigação em desfazer seu malfeito sem que ninguém o autorize para que o faça... Devolvendo o Brasil para os brasileiros. Ninguém o autorizou quando aliciado por meia dúzia de discípulos da Seita Positivista, que nada tem de Cruz, tampouco com o Cristianismo, inventou à revelia com um Golpe de Alta Traição, a Ditadura Republicana dos Estados Unidos do Brasil em 15 de novembro de 1889. Então que conserte a sua lambança. Nada mais coerente e justo o Exército devolver o que nos foi tomado: a Monarquia Parlamentar Representativa Imperial, se livrando dessa nódoa negra que envergonha esta instituição. 
■ EXÉRCITO: NEM ANTES NEM DEPOIS, MAS NA HORA CERTA!
https://www.youtube.com/watch?v=RUJGGUdXuUU

B • Este Exército Republicano remanescente do outrora Glorioso Exército Imperial Brasileiro, hoje considerado a instituição mais respeitável dessa Degradada República de Mentira nunca proclamada de fato, vergonhosamente inventada quando se deixou aliciar e manipular por meia dúzia de discípulos da Seita Positivista; participou como ferramenta executora do Golpe Sujo Republicano de Alta Traição de 15 de novembro de 1889, traindo seus juramentos feitos perante a Bandeira Nacional Imperial, contrariando a democracia do Império Brasileiro, inaugurou a primeira Ditadura Militar da História do Brasil Independente & Soberano (desde 7 de setembro de 1822); na época considerada a democracia mais promissora e respeitada dentre o universo das nações, mais até do que a da República dos Estados Unidos da América do Norte; cuja sua Armada Imperial (Marinha de Guerra) somada à Marinha Mercante, representava a 2ª potência naval da terra.
C • Ironicamente, oficialmente este mesmo Exército Golpista Republicano Brasileiro, designa em 13 de março de 1962 como seu Patrono — incorporando o ideal de soldado e sendo a figura mais importante de sua tradição, um dos maiores oficiais militares da história do Brasil, o Monarquista do Império do Brasil, Luís Alves de Lima e Silva, o Duque de Caxias, que jamais se vivo estivesse, permitiria a grande lambança da traição do Golpe de Estado Militar sem honra ou grandeza, e defenderia a Monarquia do Império do Brasil com a sua própria vida se necessário fosse. 
D • Se as manifestações se agigantam, naturalmente o Movimento é legitimado. Se a Suprema Comandante das Forças Armadas a Presidente Dilma, acionar estas Forças Regulares, e elas se voltarem contra o povo que está nas ruas protestando, legitimado por mais de 90% da população, estarão traindo a pátria assim como seus juramentos. As FFAA só poderão atuar pontualmente nos específicos atos de vandalismos promovidos por grupos distintos já conhecidos e, mesmo assim, para proteger a maioria que protesta pacificamente. Qualquer coisa diferente disso na atual desconjuntura, será uma vergonhosa descarada subserviência às ambições Socialistas&Comunistas do Partido que lidera as Organizações dos Crimes Partidários. Não cabe a mim ensinar as FFAA, pois bem sabem como agir... 
E • Prefiro não acreditar que este Exército dito de Caxias, mais uma vez trairá a Nação Brasileira como fez em 15 de novembro de 1889, inclusive indo contra os ideais do seu atual Patrono, vai agora no século XXI se associar ao Crime da Farra das Coligações coesas às Organizações Criminosas das Facções Narco-Psicopatas-Partidárias-Copartícipes dos Regimes-Síndico-Comuna-Socialistas-Golpistas que só subtraem, a serviço da Máquina de Prostituição Parlamentar do Poder Central, alinhada à Política Transnacional Continental Latina Americana do Foro de São Paulo, que descaradamente vandalizando a nação: extorque, corrompe e escraviza a população com as mais altas taxas tributárias do planeta, sem que haja o justo retorno proporcional... Impostos nunca suficientes para alimentar as imundícies do alto meretrício da contínua promiscuidade da prostituição parlamentar... Além de colocar em risco a soberania nacional com a destruição do seu mais precioso tesouro: a sua reserva humana. 

■ Decalogo de Lenin - nova edição
https://www.youtube.com/watch?v=UHfBrVB5X5w

F • Na atual desconjuntura, um Impeachment, representa a continuidade do crime no poder. Apenas com a Intervenção do povo & Constitucional Militar, prevista na Carta Política Brasileira, será possível reverter o quadro catastrófico que se desenha. SE UTILIZAR LEGITIMAMENTE HOJE DE UMA INTERVENÇÃO CONSTITUCIONAL, SEM DERRUBAR A PRINCIPAL CAUSA DA DESGRAÇA NACIONAL, É SE LIMITAR NOVAMENTE A UM GRANDE NADA. A INTERVENÇÃO NÃO PASSA DE UMA EMERGÊNCIA DO PRESENTE PREVISTA NA LEI, PORÉM SEM DERRUBAR A INÚTIL ILEGÍTIMA FORMA DE GOVERNO PRESIDENCIALISTA REPUBLICANA BRASILEIRA, SERÁ UM INVESTIMENTO CERTEIRO NUM NOVO FRACASSO.
G • O Impeachment da presidente no atual Estado Deplorável de Coisas é o mesmo que trocar um Mar de Lama por um Oceano de Imundícies... Não adianta espantar apenas uma das Varejeiras da Carniça Republicana Brasileira. Impeachment sem um desdobramento amplo do leque, de forma a nocautear as Organizações Criminosas Políticas/Partidárias, nas essências das suas abrangências... Será a continuidade: do crime no poder, da promiscuidade partidarista republicana das propagandas enganosas, da demagoga degradada predadora classe política comprometida ideologicamente com o Foro de São Paulo. 
H • Impeachment de um Presidente nesse Estado Desconjuntoral de Coisas Aparelhadas já Institucionalizadas & Constitucionalizadas, apenas contribui para o prejuízo de todos, em função do prolongamento da agonia dessa Decadente República de Mentira, redirecionando mais uma vez o Brasil a um novo Nada Absoluto. Derrubar a Fracassada Forma Republicana de Governo é a Solução Definitiva contra os Corrosivos Políticos que não passam de Predadoras Hienas, juntamente com seus Partidos. Essa Desgraça Nacional Republicana é Responsabilidade do Exército dito de Caxias, e cabe a esse Exército o dever e a obrigação em desfazer seu malfeito sem que ninguém o autorize para que o faça... Devolvendo o Brasil para os brasileiros. Ninguém o autorizou quando inventou à revelia a Defunta República dos Estados Unidos do Brasil em 15 de novembro de 1889. Então que conserte a sua lambança. 
I • No Esgoto Moral da Classe Política Republicana Brasileira que vandaliza a nação, o Impeachment de um presidente, apenas favorece os interesses partidários e muda a sujeira de mãos, além de não ter o poder para banir do Território Nacional os partidos envolvidos com o crime, mais o Partido dos Traidores da Pátria com seus tentáculos coligados, coesos a dezenas de inúteis Partidos Satélites - com propósitos obscuros, para servirem-se da nação, em benefício das suas ambições predadoras, em prol de uma União Internacional Socialista&Comunista, onde todos envolvidos, que sejam de forma explícita, velada ou por omissão, nessas cumplicidades, são copartícipes da Organização Transnacional da Pátria Grande do Foro de São Paulo, em detrimento do desenvolvimento humano, qualidade de vida e da felicidade da população brasileira. 
J • Essa República Marxista-Leninista-Positivista-Gramscista-Nazista é uma invenção arbitraria do próprio Exército, a partir do Golpe de Traição e Lesa Pátria de 15 de novembro de 1889, paradoxalmente hoje defendida pela burrice induzida ou amnésia coletiva, como a Forma ideal de Governo para o Brasil, mesmo com a sua lamentável história predatória de sucessão de ditaduras civis e militares que arruinou com a nação Brasileira, nos conduzindo pela sexta vez a uma Treva Abissal sem precedentes na História do Brasil desde 1500. 
URL
➤ Quer coisa mais patética e deprimente que este quadro da TRAGÉDIA NACIONAL!... A personagem na Tribuna é a Presidente da Caricata República Socialista Federativa do Brasil. 
K • Se ainda existe Forças Armadas para isso... Basta a vontade de se fazer um trabalho de transição bem feito desta vez. Se é ruim a restauração da democracia Monárquica Parlamentarista Constitucional Representativa Imperial Brasileira com a ajuda das Forças Armadas... Pior sem elas. Afinal a ferramenta executora do trabalho sujo utilizada pelos Positivistas Golpistas, foi esse Exército paradoxalmente hoje dito do Monarquista Caxias do Exército Imperial Brasileiro — que se vivo estivesse, jamais permitiria a lambança da traição de 15 de novembro de 1889, cujas suas predadoras consequências se estenderam pelo futuro numa desastrosa sucessão de ditaduras civis e militares que arruinou com o Brasil. 
L • Essa República de mentira abortada defunta em 1889, a causadora da sua própria falência — Acabou; o governo marionete está paralisado. Ressuscitá-la com a bruxaria da criação de uma 7ª República "salvadora da pátria" é de uma burrice absoluta. É isso que a raça maldita dos inúteis políticos fantoches querem... Como Abutres devorar agora a carniça, que há muito já deveria ter sido enterrada. Parlamentarismo no Brasil se não for Monárquico, é o mesmo que trocar fezes por merda. 
M • A prostituição parlamentar brasileira, legalizando o ilegalizável, Legitimando o ilegitimável, viabilizando a imposição arbitrária do Organismo Ideológico do Foro de São Paulo. Custe o que custar, doa a quem doer, nem que seja necessário importar com o dinheiro público imensa massa humana mercenária, com autorização para matar brasileiros em solo pátrio, rumando para a consolidação da Pátria Grande da União das Repúblicas Socialistas Sul-Americanas. 
N • A prioridade do Ingovernável Cadáver Republicano Brasileiro do Poder pelo Poder, jamais foi a população brasileira, tudo tem girado em torno da pressa para a implantação de obscuras ambições ideológicas. Diante disso, neste Estado Distorcido Depravado de Coisas, a possibilidade de se reverter o Desastre Nacional sem uma Intervenção Federal Constitucional Ampla e Irrestrita, contando apenas com as instituições dantes democráticas já há muito aparelhadas... É nula. 
O • Observo que nestes quase 126 anos de retrocessos republicanos desse regime abortado defunto em 15 de novembro de 1889, fizeram um excelente trabalho de lobotomia. Hoje por diversas razões, muitas delas obscuras, indivíduos ingênuos & iludidos por ideologias estranhas às nossas Raízes, zumbizados pela doutrinação Comunista da Seita Positivista nas escolas, lobotomizados desde tenra idade. 
P • Outros com seus interesses ideológicos obscuros ou suas conveniências pessoais... Consideram mais extraordinário e relevante os 400 mortos dos 20 anos da última Ditadura Militar, a maioria Terroristas e Guerrilheiros mortos em combate, do que o massacre de 150.000 pessoas pela repressão do primeiro Governo Ditatorial Republicano, no seu curto período inicial de 10 anos a partir de 1889: três vezes mais mortes entre militares e civis brasileiros do que nos 7 anos que durou a Guerra do Paraguai, quando a população brasileira era 11 vezes menor que a atual; o que corresponderia na atualidade a um genocídio de 1.650.000 mortes... 
PARE DE DISCUTIR PARTIDOS POLÍTICOS, PARE DE ACREDITAR NA CRIMINOSA CLASSE POLÍTICA BRASILEIRA E NESSA REPÚBLICA DE MENTIRA QUE ACABOU COM O BRASIL.

Discussão sobre o cenário político brasileiro e a forma de luta contra o projeto totalitário petista.
Q • Essa República de mentira abortada defunta é uma Ditadura desde a sua imposição arbitrária em 15 de novembro de 1889. Defender a manutenção dessa Ilegítima Ditadura Republicana Genocida Brasileira*, que seguiu matando pelo futuro milhões com suas inconsequências, negligências, omissões... É de uma falta de conhecimento extrema, de uma burrice crônica absoluta, ou de uma voracidade predatória sem precedentes... *Em qualquer país, um governo que se mantém com 7% de aprovação é uma Ditadura. Nem nos "Terríveis Anos de Chumbo" os Presidentes Militares chegaram a índices tão baixos; sempre estiveram com popularidade acima dos 50%. Apenas caindo Dilma com o seu "Perda Total", quase nada mudará nessa decadente República nunca proclamada de fato. 
URL 
A Efígie da deusa encantada francesa Marianne, sempre presente nas moedas e cédulas do dinheiro da República Brasileira desde 1889, responsável pela inauguração da nossa inflação. Esta moeda da imagem perdeu 40% do seu valor logo nos primeiros anos de república; já no império não havia inflação, e a sua moeda valia tanto quanto a Libra Esterlina.
R • ESQUERDA e DIREITA no Brasil são subprodutos do Cadáver Republicano Brasileiro em estado de decomposição, abortado defunto por alguns positivistas traidores da pátria em 15 de novembro de 1889, que nada tem de CruzTradição Judaica-Cristã, ou com a Terra de Santa Cruz (Ilha de Vera Cruz), origens intrinsecamente coesas às raízes históricas das nossas tradições, presentes no contínuo alicerçamento do processo da formação da LEGÍTIMA IDENTIDADE deste Estado Brasileiro, sempre será um FALSO NACIONALISMO. A tragédia da brutal vergonhosa imposição arbitraria do Regime Totalitário na Forma Republicana Presidencialista no Brasil em 1889 pela violência, sempre foi sinônimo de desgraça nacional... Uma sucessão desastres que pela sexta vez consecutiva, conduziu a nação a um grande nada inerte num oceano de imundícies. 
S • ESQUERDA e DIREITA no Brasil são subprodutos do Cadáver Republicano Brasileiro em estado de decomposição, abortado defunto por alguns positivistas traidores da pátria em 15 de novembro de 1889, que nada tem de CruzTradição Judaica-Cristã, ou com a Terra de Santa Cruz (Ilha de Vera Cruz), origens intrinsecamente coesas às raízes históricas das nossas tradições, presentes no contínuo alicerçamento do processo da formação da LEGÍTIMA IDENTIDADE deste Estado BrasileiroNACIONALISMO e/ou PATRIOTISMO no Brasil fundamentado em REPÚBLICA, sempre será FALSO. A tragédia da brutal vergonhosa imposição arbitraria do Regime Totalitário na Forma Republicana Presidencialista no Brasil em 1889 pela violência, sempre foi sinônimo de desgraça nacional... Uma sucessão desastres que pela sexta vez consecutiva, conduziu a nação a um grande nada inerte num oceano de imundícies.
T • República no Brasil é uma Aberração do Positivismo, imposta arbitrariamente por meia dúzia de traidores da pátria devotos da Seita Positivista (Religião da Humanidade), todos sem exceção, maçons. Religião parida pelo Francês ateu Auguste Comte junto com sua musa inspiradora Clotilde de Vaux (considerada a mãe espiritual da Igreja Positivista do Brasil e da Religião da Humanidade), que devorou a Identidade, Independência, Liberdade e Soberania do Estado Brasileiro, alcançadas após o Grito do Ipiranga de 7 de setembro de 1822. Chega de novas aventuras salvadoras da pátria nesse cadáver republicano abortado como o primeiro Estado Totalitário. Chega de novas experiências nessa República que sempre foi sinônimo de Desgraça Nacional.
U • Jamais essa Alienígena República Golpista foi solução para qualquer coisa no Brasil. Agora pretendem abortar na escuridão dos abissais desse Oceano de Imundícies uma Nova Defunta 7ª República Parlamentarista Salvadora da Pátria. Vislumbro que todos os caminhos com alguma coerência apontam para a Desproclamação da Farsa Republicana Brasileira, seguida da Restauração do Império do Brasil que nunca deveria ter deixado de existir - respeitando a cronologia na escala do tempo, foi a Forma de Governo que melhor funcionou nesse país — e só caiu por meio de um Golpe de Traição. 
V • "Muitos regimes admitem legalmente a participação plena de todas as correntes políticas, reunidas em agremiações ideológicas. Entretanto, ao longo do tempo, diversas formas de pensamento político sofrem restrições, a fim de se evitar que determinados grupos — considerados nocivos ao sistema vigente - possam vir a tomar o poder."
W • "Mesmo aceitando muitos partidos, a maioria das nações democráticas impõe limites à inscrição de alguns partidos, como por exemplo, o Comunista, o Fascista, o Nazista. Os partidos Monarquistas são proibidos em muitas repúblicas (no Brasil até 1988), o que causa controvérsia em relação a democracia da sua liberdade de expressão numa Nação."

X • "(...) Diante da falência do sistema representativo e da relativização do Poder do Estado e conseqüentemente, Ruptura Institucional através do Crime Organizado Político Partidário, o Brasil, país rico no mundo em arrecadações de impostos e de minérios, o sistema mantém nossa nação, pobre de cultura, pobre de dinheiro, pobre de qualidade de vida. Por Um Novo País !! Que Agoniza Nas Mãos do Crime Organizado Político Partidário, que passaram a influenciar negativamente, dominando a mídia, as escolas, as universidades, as editoras e todos os setores produtores de cultura no Brasil, doutrinando a população brasileira, com táticas gramscistas, adulterando o sentido comum e condicionando-nos a cultura marxista, a pelo menos, a 35 anos. 

 Destrinchando a Intervenção pelo artigo 142 da Constituição 
http://www.alertatotal.net/2016/04/destrinchando-intervencao-pelo-artigo.html?spref=fb

Y • OS ATENTADOS CONTRA OS PODERES CONSTITUCIONAIS PRATICADOS PELA CLASSE POLÍTICA BRASILEIRA, NAS ÚLTIMAS DÉCADAS, TORNAM IMPOSITIVA A IMEDIATA E JÁ TARDIA INTERVENÇÃO CONSTITUCIONAL DA NAÇÃO BRASILEIRA REPRESENTADA POR SUAS FORÇAS ARMADAS – FFAA. SOB PENA DE SEVERA E IMPERDOÁVEL A ORDEM LEGAL POR PARTE DOS NOSSOS CHEFES MILITARES. FFAA cumpram com as suas obrigações legais !! Entretanto, não existe mais desculpas ou escolhas para as FFAA em negarem a INTERVENÇÃO em prol da sociedade em um todo, do Brasil. (...)" 

■ ACDB REQUERIMENTO FFA
https://plus.google.com/+EmanuelNunesSilva/posts/9vNJGvhYPpo 

ACDB REQUERIMENTO FFA 
http://cidadaniaedefesa.com/acdb-requerimento-ffaa/ 

Z • Organizações Criminosas das Facções Narco-Psicopatas-Partidárias-Copartícipes dos Regimes-Síndico-Comuna-Socialistas-Golpistas, da Máquina de Prostituição Parlamentar do Poder Central Republicana, Alinhada a Política Transnacional Continental Latina Americana do Foro de São Paulo. Depois de prender, julgar por um Tribunal Militar Isento e punir os envolvidos com o CRIME: mudar a Forma de Governo - criar novos partidos com pessoas idôneas, para disputarem Novas Eleições num ambiente saudável de forma diferente de se pensar o Brasil... Para os brasileiros, e não para os políticos... Onde Cargo Político é MissãoEssa República de Mentira nada acrescentou de útil, virtuoso e verdadeiro ao Brasil. Por mais que me esforce, não consigo ver nobreza alguma nas ações dos políticos republicanos brasileiros... Tampouco algo em suas atitudes que os honrem ou engrandeçam. 

■ Lista de partidos políticos no Brasil 
https://pt.wikipedia.org/wiki/Lista_de_partidos_pol%C3%ADticos_no_Brasil
■ ACDB 
https://plus.google.com/+EmanuelNunesSilva/posts/19aA1G2P21W
http://cidadaniaedefesa.com/ 

■ UND
http://undbrasil.org/?cat=3 

Aécio Neves com Fidel Castro em Cuba

Nos debates que assisti durante a campanha para a Presidência da República, incluindo o último do dia 24/10/2014, não vi em momento algum o Candidato Acécio Neves fazer qualquer comentário sobre o FORO de SÃO PAULO.
- IV -
Nióbio, Crime de Alta Traição, Intervenção Constitucional e Omissão das Forças Armadas.

➤ O Exército Republicano Brasileiro por ser na prática hoje subserviente a uma Macabra Ideologia Partidária e não ao Brasil, atendendo a um governo ilegitimado por 95% da população, além de tornar-se cúmplice de todos estes crimes de traição e lesa pátria, passa também a ser Conivente com o genocídio de no mínimo 4.000.000 de brasileiros, produzido pelos desserviços prestados pela abominável inútil Classe Política ao longo dos últimos 30 anos... Por não fazer a mais básica das suas obrigações, cumprindo com seu dever constitucional. Afinal esse Exército dito o do Monarquista Caxias do Glorioso Exército Imperial Brasileiro, pretende continuar até quando com suas propagandas enganosas?... 

https://plus.google.com/+EmanuelNunesSilva/posts/R2KvxVrmK61 


■ Hangout ORDEM E PROGRESSO XI - Quarta 30/09 , 21:30 Hs - DR. Ribas Paiva
https://www.youtube.com/watch?t=1930&v=Wq3h8lQQOtw
➤ Aos 38:26 - "(...) É exigir a imediata Intervenção Constitucional. O Brasil tem que fazer ontem a Intervenção Constitucional, é agora o nosso Instrumento de Força que tem que atuar... Isso é pior que o Petrolão, o Ministério Público Federal está brincando com a gente, o Petrolão é troco perto disso, isso é traição, para vocês terem ideia, o Artigo: 357 do Código Penal Militar, sujeita essa gente toda a fuzilamento, pena mínima de 30 anos... Isso quer dizer o seguinte: todos os Ex Presidentes, Ministros de Minas e Energia, Ministros da Casa Civil, dos últimos 30 anos tem que ser fuzilados... Só isso, tá lá no Código Penal. (...) Eles não pensam... São gente totalmente psicopatas, eles não pensam no povo que está sofrendo. (...) É um crime terrível. (...) A coisa é tão terrível que passa como Teoria da Conspiração. (...)" 

➤ Aos 1:47:50 - "(...) vamos fazer o seguinte: Vamos assumir o Poder... Nós podemos, e fazer com que o povo brasileiro viva a riqueza do seu território. Isso nós temos que fazer hoje, agora. Os Senhores Generais têm que ouvir esse nosso apelo e tomarem a providência amanhã... Chega. Não tem mais nada para acompanhar e olhar, e tomar providência já. (... ) Mesmo que o povo não saia (às ruas), a Polícia da Nação tem que sair!... As Forças Armadas tem que intervir amanhã. A partir de amanhã eles já sabem tudo isso... Já está documentado. Então a Força (FFAA) tem que sair amanhã. Se chega na sua casa tem gente dentro você chama a Polícia. Nós estamos chegando no Brasil hoje, o nosso Brasil está sendo invadido pelo Crime: chama a Polícia. Qual é a Polícia do Brasil?... Exército. Então chega de PREPARAÇÃO, vamos intervir no PROCESSO para salvar a Nação Brasileira do Crime (...) A partir de amanhã eles (o Exército) vão perder o nosso respeito, A partir de amanhã se eles não intervirem, eles vão perder o nosso respeito. Quanto mais demorarem mais vão perdendo o respeito e a credibilidade. (...) É muita covardia com o povo brasileiro. (...)"- [Advogado Antônio José Ribas Paiva]

● Socialismo é o estágio para o Comunismo que se equipara ao Nazismo.
Devemos trabalhar mais em cima disso para desinfetar o Brasil do Comunismo. 
- V -
O Paradoxo do Exército Republicano Brasileiro do Militar Monarquista Caxias do Exército Imperial Brasileiro
Este Paradoxal Exército Republicano que se auto-intitula o do mais importante Militar do Império do Brasil, que vergonhosamente não cumpre o Artigo 1º do Trapo da Constituição da já 6ª Fracassada República (Nova República), que há pouco tempo ainda era considerado a instituição mais respeitável, hoje subserviente aos caprichos dos Socialistas&Comunistas que combateu por 21 anos... Os mesmos que pretendiam impor por meio da violência uma Ditadura Comunista do "Proletariado", mesmo que fosse necessário exterminar centenas de milhares de brasileiros... 

Complacentemente depois de promover a Abertura Política Ampla, Geral e Irrestrita; paradoxalmente, benevolentemente perdoar seus oponentes com a Lei da Anistia, permitiu constitucionalmente o ressuscitamento das trevas de todos os Partidos Comunistas Brasileiros, por ele próprio combatidos veementemente... Ideologia Macabra que cometeu 6 vezes mais crimes contra a humanidade (mais de 100.000.000 de mortes) do que o Partido Nacional Socialista dos Trabalhadores Alemães. O Correto seria que no Brasil à exemplo de muitos países, fosse dado ao Comunismo o mesmo tratamento aplicado ao Nazismo, para livrar o povo brasileiro definitivamente dessa Abominável Sinistra Anomalia Política, que mergulhou a nação no Lodo dos Abissais de um Oceano de Imundícies...

Cada vez mais acredito que o resultado de um novo Plebiscito nesta atual desconjuntura será pior ao da Grande Fraude do Plebiscito de 1993. Se é ruim com a ajuda das Forças Armadas... Pior sem elas. Afinal foi o Exército hoje dito do Monarquista Caxias do Exército Imperial Brasileiro o executor do Golpe de 1889.
Cinismo absoluto é ver um Presidente Comunista Republicano ironicamente comemorando o 7 de Setembro junto com o Exército que outrora o combateu, na data que representa a Fundação do Independente e Soberano Império do Brasil, que meia dúzia de conspiradores republicanos da Seita Positivista sem honra ou grandeza, se utilizando de métodos obscuros e do próprio Exército como ferramenta de execução do trabalho sujo, derrubaram com um Golpe de Traição e Lesa-Pátria em 1889. Essa República de mentira abortada defunta que acabou com o Brasil, tem sido uma Ditadura desde a farsa da sua imposição.
Definitivamente essa República de Mentira da Seita Positivista nunca proclamada de fato, guardada pela deusa francesa de virtudes abstratas Marianne, impressa e cunhada em nosso dinheiro, depois dessa já 6ª tentativa (Nova República ou Sexta República, como preferir)... Acabou com o Brasil. Porquê os militares então não Desproclamam logo esta imundice que abortaram defunta à revelia em 15 de novembro de 1889, que nesses 125 anos anos de fracassos a Múmia virou sinônimo de Desgraça Nacional... Que nunca funcionou, e sempre foi uma grande farsa.

Quanto mais as instituições que têm o dever constitucional (artigos 1º, 2º, 142º e 144º) de defender o país dos inimigos internos e externos retardarem o que tem que ser feito, mais sangrento será o confronto. Desta vez as dimensões da tragédia que se desenha é responsabilidade única das FFAA, diferentemente de 1964 que foi preciso milhões irem às ruas. Naquela época o clamor público se justificava pelo fato da Intervenção Militar não estar prevista na Carta Magna; entretanto hoje está, e não há a necessidade do povo exigir que a lei seja cumprida para que as FFAA façam o seu trabalho, intervindo nesse Estado de Coisas Desconjunturadas Desconjuradas já institucionalizadas, e sendo apressadamente constitucionalizadas... Nesse momento oportuno esta ação independe da Clamação Popular, por ser uma das obrigações das FFAA. Portanto ou cumprem com seus deveres constitucionais preservando inclusive a própria Constituição honrando seus juramentos, ou traem a nação. Não confunda hoje Intervenção Federal Constitucional Militar com Golpe ou Ditadura.
Itens L•, M•, N• do Capítulo - IV - desta matéria:
L• Na atual desconjuntara a população não deve continuar se humilhando a partir de Abaixo-Assinados, Petições ou algo do gênero, formulando pedidos de reivindicações, como muitos continuam fazendo, implorando qualquer coisa a este Governo Federal composto por pessoas inconsequentes & delinquentes que vandaliza toda a nação, além de agora este Poder Constituído se mostrar ilegítimo por representar apenas uma minoria. Não alimente ilusões de se obter algum resultado prático, na esperança de que finalmente este Desgoverno vai começar a fazer sua mais básica das obrigações: trabalhar para seus verdadeiros Patrões e donos do Brasil; o povo brasileiro.
M• Que coisa mais deprimente se humilhar rastejando perante esse tipo de gente que deve ser descartada. Esse tempo já passou. Ficar ocupando prédios disso e daquilo por este Brasil afora, solicitando CPIs que nunca nos conduziu a lugar algum, ou esperando que algum Prefeito, Governador e mesmo a Presidente renuncie, é um trabalho além de desgastante, inútil. Mesmo que haja alguma renúncia ou um impeachment... Nada mudará. Continuaremos todos na mesma nau à deriva por este imenso Mar de Esgoto, sendo conduzida pelas mesmas quadrilhas, rumando em direção às profundezas das trevas.
N• A tragédia é bem maior do que se desenha nas ruas. É esta Forma de Governo que nunca funcionou a contento desde que foi implantada arbitrariamente o antidemocraticamente à força, à revelia da vontade da maioria, conseguintemente à margem da lei, em 15 de novembro de 1889. Portanto este Regime Republicano Brasileiro é moralmente ilegítimo desde sua imposição, quando foi inventada a primeira Ditadura da História do Brasil. A mais cruel e sangrenta de todas, neste macabro cenário que já dura 126 anos de retrocessos e fracassos. Tentar mais uma vez juntar os cacos com o lodo de tanta lambança... É burrice. 
SOCIEDADE DIVIDIDA
DIVISÃO SOCIAL PRATICADA PELO GOVERNO/LUTA DE CLASSES
SEGREGAÇÃO SOCIAL 
DIVISÃO ECONÔMICA 
CONFLITO RACIAL 
SEPARATISMO RELIGIOSO 
DISCRIMINAÇÃO SEXUAL
BURGUESES X TRABALHADORES 
GOLPISTAS X DEMOCRÁTICOS SOCIALISTAS 
(Desde quando comunistas gostam de democracia?)


■ Pátria Amada - Quinto Programa
- VI -

Exército de Caxias
URL
Palácio Duque de Caxias (O Maior Palácio do Brasil) – Pantheon de Caxias (Porto da Estrela, 25 de agosto de 1803 — Desengano, 7 de maio de 1880) – Sede do Comando Militar do Leste.
Comando Militar do Leste, onde está o Poder de discernir sobre o perigo iminente que ameaça a nação Brasileira, tendo à frente o Pantheon de Caxias, Grande Militar e Estadista da História do Império do Brasil, Proclamado Patrono do Exército Republicano Brasileiro em 1962. 
Ainda no Império, o Marechal Deodoro da Fonseca em 15 de novembro de 1889, aliciado por alguns membros republicanos da Maçonaria Brasileira, traiu seu juramento feito à Bandeira Nacional Imperial Brasileira, inaugurando arbitrariamente o primeiro Estado de Exceção Republicano da História do Brasil; que depois de fracassar, os insistentes republicanos inventaram as subsequentes 2ª, 3ª, 4ª, 5ª, e esta última 6ª também decadente Nova República
Luís Alves de Lima e Silva, o Duque de Caxias
“(...) Luís Alves de Lima e Silva, Duque de Caxias (25 de agosto de 1803 – 7 de maio de 1880), apelidado de "O Pacificador" e "O Duque de Ferro", foi um militar, político e monarquista brasileiro. Caxias seguiu uma carreira militar assim como seu pai e tios. Ele lutou em 1823 contra Portugal na Independência do Brasil e depois passou três anos na Cisplatina enquanto o governo tentou resistir sem sucesso contra a secessão da província. Caxias permaneceu leal ao Imperador Pedro I durante protestos em 1831 apesar de seus familiares terem abandonado o monarca. Pedro I abdicou em favor de seu filho Pedro II, quem Caxias serviu como mestre de armas lhe ensinando esgrima e hipismo, eventualmente tornando-se seu amigo. (...)”
O Militar monarquista Duque de Caxias do Exército Imperial Brasileiro se vivo ainda estivesse em 1889, ao contrário do que fizeram alguns dos seus sucessores traidores da pátria, jamais trairia seu juramento feito perante o Pavilhão Nacional, tampouco permitiria que o ato de traição da lambança republicana se consumasse; que desonra esta instituição que se diz hoje a mais respeitável. Está nódoa negra do Exército Brasileiro perdurará enquanto esta bandeira da Seita Positivista tremular no solo continental brasileiro. 

Não confunda a Bandeira da Forma de Governo Vigente com o Brasil. A Bandeira da Seita Positivista é apenas um dos símbolos do Regime Político do Estado Brasileiro, que na ilegalidade se "reorganizou" para a desgraça do país como república, a partir da tragédia do Golpe de Traição de 15 de novembro de 1889, de maneira a impor o seu poder sobre a sociedade... Ame o Brasil e seu Exército de Caxias sem venerar esse "Regime" da Seita Positivista que tem sido a Desgraça Nacional. Não se preocupe, as cores Nacionais Verde e Amarelo, serão as mesmas usadas desde a Fundação do Estado Brasileiro Livre, Independente e Soberano, em consequência do 7 de setembro de 1822. Entendeu?...


■ Entenda o Mega Esquema do Nióbio
https://www.youtube.com/watch?v=8hHBoF92D1Y&feature=share

Aos 4:01 e 7:11 - "(...) A traição da classe política brasileira é tão terrível que não dá nem para mensurar... Fernando Henrique também no governo dele, tentou doar as reservas minerais (...) Eu espero que as Forças Armadas não estejam envolvidas, senão tudo estará perdido (...)" - Em suma: toda a classe política republicana brasileira deve ser descartada, juntamente com todos seus partidos, em prejuízo de não mais de 2% de políticos honestos que serão reaproveitados no futuro; e os responsáveis pelos crimes de alta traição, punidos conforme o que rege na Carta Magna.
Um Exército dito o de Caxias, que traiu em 15 de novembro de 1889 seus juramentos feitos perante a Bandeira Nacional Imperial Brasileira, hoje subserviente a Ditadura de um governo fora da lei com menos de 7% de aprovação, novamente volta a trair a Nação Brasileira por não cumprir seus juramentos perante esta Bandeira Republicana da Seita Positivista que inventaram sem honra ou grandeza, imposta arbitrariamente... Não cumprindo com seus deveres e obrigações constitucionais. Quem vai entender uma lambança dessa!...?
Se realmente o Exército Brasileiro fosse o de Caxias e sério, desproclamava esta malfadada república que nada de útil, verdadeiro e virtuoso acrescentou ao Brasil... Só subtraiu. Livrando-se definitivamente desta Nódoa Negra que envergonha esta instituição.


■ Dr. Ribas denunciou o extravio de nióbio às FFAA.
https://www.youtube.com/watch?v=eGHUmMYHda0

Este Exército Republicano remanescente do outrora Glorioso Exército Imperial Brasileiro, hoje considerado a instituição mais respeitável dessa Degradada República de Mentira nunca proclamada de fato, vergonhosamente inventada quando se deixou aliciar e manipular por meia dúzia de discípulos da Seita Positivista; participou como ferramenta executora do Golpe Sujo Republicano de Alta Traição de 15 de novembro de 1889, traindo seus juramentos feitos perante a Bandeira Nacional Imperial, contrariando a democracia do Império Brasileiro, inaugurou a primeira Ditadura Militar da História do Brasil Independente & Soberano (desde 7 de setembro de 1822); na época considerada a democracia mais promissora e respeitada dentre o universo das nações, mais até do que a da República dos Estados Unidos da América do Norte; cuja sua Armada Imperial (Marinha de Guerra) somada à Marinha Mercante, representava a 2ª potência naval da terra. Ironicamente, oficialmente este mesmo Exército Golpista Republicano Brasileiro, designa em 13 de março de 1962 como seu Patrono – incorporando o ideal de soldado e sendo a figura mais importante de sua tradição, um dos maiores oficiais militares da história do Brasil, o Monarquista do Império do Brasil, Luís Alves de Lima e Silva, o Duque de Caxias, que jamais se vivo estivesse, permitiria a grande lambança da traição do Golpe de Estado Militar sem honra ou grandeza, e defenderia a Monarquia do Império do Brasil com a sua própria vida se necessário fosse. 

Quando os Senhores vão ENTENDER que a solução é a extinção de toda a DEGRADADA CLASSE POLÍTICA BRASILEIRA junto com seus inúteis 35 Partidos dos Partidos... (os supostos 2% de políticos honestos entenderão... Se não entenderem é porque nessa República de mentira não existe mais POLÍTICO HONESTO). Só com a INTERVENÇÃO será possível "colocar todos os corruptos genocidas diante de um Tribunal de Guerra para responderem perante a sociedade por todos os milhões de cidadãos assassinados por desgovernos traidores do país e mentores da Fraude da Abertura Democrática". Deixe de ser ingênuo, não se iluda!... O Brasil jamais terá alguma chance se mantendo a República. Repare na toalha da mesa do "Banquete dos Abutres" que será servida a Carniça Republicana. É tão difícil assim entender!... Desenhando fica melhor: 

URL da Imagem

Esta bajulação a Eduardo Cunha mostra explicitamente a que ponto chegou a degradação moral republicana. Um exemplo de baixaria sem precedentes de associação das pessoas ao crime. Pior que muitos deles acreditam mesmo que com suas cumplicidades neste universo de imundícies... Estão de fato fazendo algo em prol da nação. 

Quer coisa mais patética e deprimente que este quadro da TRAGÉDIA NACIONAL!... Meu desalento é imenso... A tristeza me consome. O personagem Jair Bolsonaro nessa Desgraça Caricata Republicana, apesar de ser um dos melhorezinhos dentre os menos piores políticos que os partidos têm para oferecer, representa como qualquer outro que vier, apenas a continuidade das imundícies... Pois além de não ser do seu interesse mudar a Forma Republicana de Governo, jamais terá poder de varrer as Organizações Criminosas Políticas Partidárias nas quais seu Partido é copartícipe, incluso no Sistema de Esgoto Presidencialista Republicano, que fracassou pela 6ª vez (Nova República) na sua lamentável trajetória desde o Crime de Traição de 15 de novembro de 1889 (nunca existiu Políticos Salvadores da Pátria... Apenas vilões). 

O Cidadão Bolsonaro como qualquer outro Político inteligente, bem sabe que a solução para o resgate da legalidade, dignidade, honra, auto-estima e da Legítima Identidade Nacional, é a Restauração da Monarquia Parlamentar Imperial; entretanto suas ambições pessoais em consonância das dos seus herdeiros carreiristas... Jamais permitirão que trabalhe nesse sentido. Só como parâmetro, competência por competência e potencial de vontade política de acertar, existe um abismo entre o Deputado Bolsonaro e o Advogado Antônio José Ribas Paiva. Ao menos o Advogado mesmo sendo republicano, vem admitido publicamente que a imposição arbitrária do Regime Autoritário Republicano Brasileiro, é o produto de um CRIME de TRAIÇÃO.  

Essa República de Mentira nada acrescentou de útil, virtuoso e verdadeiro ao Brasil. Por mais que me esforce, não consigo ver nobreza alguma nas ações dos políticos republicanos brasileiros... Tampouco algo em suas atitudes que os honrem ou engrandeçam. 
URL

- VII -

ACDB REQUERIMENTO FFA

➤ "(...) Diante da falência do sistema representativo e da relativização do Poder do Estado e conseqüentemente, Ruptura Institucional através do Crime Organizado Político Partidário, o Brasil, país rico no mundo em arrecadações de impostos e de minérios, o sistema mantém nossa nação, pobre de cultura, pobre de dinheiro, pobre de qualidade de vida. Por Um Novo País !! Que Agoniza Nas Mãos do Crime Organizado Político Partidário, que passaram a influenciar negativamente, dominando a mídia, as escolas, as universidades, as editoras e todos os setores produtores de cultura no Brasil, doutrinando a população brasileira, com táticas gramscistas, adulterando o sentido comum e condicionando-nos a cultura marxista, a pelo menos, a 35 anos. 

OS ATENTADOS CONTRA OS PODERES CONSTITUCIONAIS PRATICADOS PELA CLASSE POLÍTICA BRASILEIRA, NAS ÚLTIMAS DÉCADAS, TORNAM IMPOSITIVA A IMEDIATA E JÁ TARDIA INTERVENÇÃO CONSTITUCIONAL DA NAÇÃO BRASILEIRA REPRESENTADA POR SUAS FORÇAS ARMADAS – FFAA. SOB PENA DE SEVERA E IMPERDOÁVEL A ORDEM LEGAL POR PARTE DOS NOSSOS CHEFES MILITARES. FFAA cumpram com as suas obrigações legais !! Entretanto, não existe mais desculpas ou escolhas para as FFAA em negarem a INTERVENÇÃO em prol da sociedade em um todo, do Brasil. (...)" 

Descrição do Requerimento Oficial Registrado em Cartório. 

■ ACDB REQUERIMENTO FFA 
http://cidadaniaedefesa.com/acdb-requerimento-ffaa/ 

EXCELENTÍSSIMO SENHOR COMANDANTE DO EXÉRCITO BRASILEIRO, GEN. EX. EDUARDO DIAS DA COSTA VILLAS BÔAS. 

1. Os Requerentes são associados da Associação da Cidadania e Defesa do Brasil, inscrita no CNPJ/MF sob nº 23.227.664/0001-93, com sede na Rua José de Anchieta, nº 1367, conj. 01, Areias, São José/SC, CEP 88.113-740, que reúne cidadãos, que se irmanaram na defesa da pátria, irresignados com o regime de cleptocracia e traições à pátria, que vige no Brasil, desde o início dessa famigerada Nova República. 

2. Instrui o pedido, _________ assinaturas de cidadãos, que se ombrearam no exercício da cidadania, diante da falência do sistema representativo e da relativização do Poder do Estado e conseqüentemente, Ruptura Institucional. 

3. Como de domínio público, o Sistema Representativo Republicano Brasileiro esborou-se, porque a Classe Política usurpou o Poder do Estado, para a prática sistemática de crimes, rompendo as instituições, provocando um verdadeiro genocídio de brasileiros. 

4. Em razão da Ruptura Institucional, referida acima, 204 milhões de brasileiros padecem sob o regime da Ditadura do Crime Organizado, realidade inadmissível em pleno terceiro milênio e que afronta a brasilidade. 

5. Democracia é a Segurança do Direito! Qualquer do povo, por menor escolaridade que possua, percebe, que o Brasil não é um país democrático, mas terrível ditadura do crime organizado. 

6. Os Poderes Constitucionais, em razão do vácuo político institucional, não se operam, na consecução dos Objetivos Nacionais Permanentes (ONP): 
• Democracia, 
• Integração Nacional, 
• Integridade do Patrimônio Nacional, 
• Paz Social, 
• Progresso, 
• Soberania 

7. Desde, que se instaurou a chamada Nova República, em 1985, após a ilegítima nomeação do político José Sarney para a Presidência da República, pelo então Ministro do Exército, Gen.Ex. Leônidas Pires Gonçalves, através da “gabinetada”, que lançou a nação brasileira nos braços do Crime Organizado, cerca de 3 milhões de brasileiros foram assassinados (as estatísticas consideram metade disso porque não incluem os feridos, que vieram a óbito nos hospitais). Além disso, são incontáveis as vítimas que morreram em razão do Sistema de Saúde relapso e desonesto. 

8. Os partidos políticos, reorganizados e registrados pelo Coronel Golbery do Couto e Silva, Ministro dos governos militares, tornaram-se meros Cartórios de Poder, contribuindo para o esgarçamento das instituições. 

9. O sistema eleitoral decorrente, não priorizou a liberdade de escolha dos eleitores, transformando os mecanismos eleitorais em “roletas viciadas de cassino”, coroadas pelas famigeradas Urnas Eletrônicas. Tudo isso contribuiu para a farsa eleitoral, em que os eleitores são convocados pelos Tribunais Eleitorais, apenas para coonestar a farsa da escolha dos candidatos. A legislação eleitoral garante, somente os mandatos, desprezando o direito dos eleitores de escolher os melhores entre iguais. 

10. O Presidente, ilegitimamente, nomeado pelo então Ministro do Exército Gen. Ex. Leônidas Pires Gonçalves, convocou uma ilegítima Constituinte, com Deputados eleitos para exercerem mandatos, que produziram a atual Constituição, que perenizou a ilegitimidade, porquanto a Carta Política está voltada para o Poder e não para o Povo. 

11. Ora, a ilegitimidade não tem o condão de gerar legitimidade! Portanto, tudo contribuiu para o Vácuo Político Institucional, que se estabeleceu, com o Poder do Estado relativizado, e tomado pelo Crime Organizado, que é a associação de agentes públicos com criminosos. Por esses motivos, padece a Nação sob a Ditadura do Crime. 

12. Os amargos frutos do Regime do Crime Organizado, chamado de “Cleptocracia”, pelo Exmo. Ministro do Supremo Tribunal Federal, Dr. Gilmar Mendes, são o massacre genocida do povo brasileiro, e a distonia cruel, do povo miserável, sem saúde, educação e segurança, apesar do Brasil ser o país mais rico do mundo. De fato, o Brasil é um país agrícola e mineral, binômio de riquezas, fundamentais, para os bilhões de habitantes da Terra. 

13. A vocação natural do Brasil para produzir várias safras por ano, beneficiando-se da fusão nuclear do Sol, garante a Segurança Alimentar da Europa e da Ásia, mas não alimenta, adequadamente, a base da pirâmide social brasileira. 

14. O PIB mineral brasileiro oficial apresenta números mascarados e insignificantes, em razão do contrabando e subfaturamento de exportações de minérios estratégicos, como o Nióbio e Terras Raras, por exemplo, causando um prejuízo para a economia de mais de 1 bilhão de Dólares por dia. Tudo apaniguado pelo governo do Crime Organizado. Traição que persiste apesar de documentadas e insistentes denúncias. 

15. Não satisfeito, o ilegítimo Governo Dilma paga, desnecessariamente, cerca de 350 bilhões de Reais por ano, a título de juros ao sistema financeiro; superfaturados como as obras do PAC, porque enquanto a taxa de juros internacional é de 5% (cinco por cento), o governo federal paga 14,25 % ao ano, aos bancos. A distorção agravou-se a ponto de 80% dos negócios bancários objetivarem a dívida pública. 

16. Os crimes praticados pela Classe Política, como o Mensalão e o Petrolão são peculatos insignificantes, comparados a traição dos desvios dos minérios, praticados, impunementes pelos governantes, há décadas. Só em Nióbio o Brasil perde mais de 100 bilhões de dólares por ano. 

17. As instituições brasileiras não têm mecanismos de defesa, contra os criminosos do governo e da Classe Política, porque, repita-se, o Poder do Estado foi usurpado pela Classe Política, que rompeu as instituições, para a prática sistemática de crimes. 

18. O futuro do Brasil está nas mãos do Forças Armadas e do Povo, que o instituiu, para restabelecer o Brasil como país independente. Não há solução político-institucional; ou o povo brasileiro intervêm no processo político, juntamente, e através das suas FFAA, ou o Brasil continuará traído e a Nação Brasileira escravizada, ad eternum. 

19. Impõe-se, data venia, a Intervenção Constitucional, para afastar a ilegítima Classe Política do Poder, nomear governo de transição, restabelecer as Instituições, punir os culpados, como manda a lei, dotar os Poderes Constitucionais, de mecanismos de defesa contra os usurpadores, caçar os direitos políticos da Classe Política vigente, e, após normalizadas e adequadas as instituições, convocar eleições gerais, restabelecendo a verdadeira democracia para a consecução do Bem Comum. Data venia, nada justifica a manutenção da Nação Brasileira, sob o jugo da Ditadura do Crime Organizado. 

O DIREITO 

1. O artigo 142 da Constituição Federal Brasileira, que trata da destinação das Forças Armadas estabelece: 
“As Forças Armadas, constituídas pela Marinha, pelo Exército e pela Aeronáutica, são instituições nacionais permanentes e regulares, organizadas com base na hierarquia e na disciplina, sob a autoridade suprema do Presidente da República, e destinam-se à defesa da Pátria, à garantia dos poderes constitucionais e, por iniciativa de qualquer destes, da lei e da ordem.” 

Pois bem, é público e notório, que os governantes e a Classe Política, usurparam o poder do Estado, para a prática sistemática de crimes e traições, portanto as FFAA, devem garantir os Poderes Constitucionais, contra os governantes usurpadores, que colocam em risco sua vigência, INTERVINDO CONSTITUCIONALMENTE e, afastando os membros do governo, para nomear um governo de transição, restabelecer e consolidar as Instituições, punir os culpados pelos atentados contra a democracia e traições para, somente então, CONVOCAR ELEIÇÕES GERAIS. 

1. Os Requerentes estão no exercício do Poder Instituinte, que lhes faculta MODIFICAR, REVOGAR OU CRIAR INSTITUIÇÕES. Poder, que deve ser exercido individual ou coletivamente, sempre que necessário, através de seus instrumentos de força, as FFAA. Nessa medida, bastaria a evidência, como ocorre, da usurpação do Poder do Estado, e apenas um brasileiro requerer providências para que as FFAA interviessem constitucionalmente, porque em defesa do Brasil e dos Poderes Constitucionais é desnecessária a comprovação, bastaria o fato. Observe-se, que ante do presente Vácuo Institucional as FFAA devem intervir, mesmo que de ofício, para garantir os Poderes Constitucionais. 

O Poder Instituinte não pode ser exercido por representação, porque, como é lógico, quem está no poder não quer mudanças para o povo. No caso presente, está pública e notória a falência da representatividade, e, repita-se, a usurpação dos poderes constitucionais pela Classe Política e pelos governantes. 

III. A usurpação e as traições tornaram ineficazes os Poderes Constitucionais, impondo, a INTERVENÇÃO CONSTITUCIONAL, para garanti-los, até porque, como é público, toda a cadeia sucessória institucional está comprometida, com a prática de crimes e, no mínimo, com a conivência para tal, como é o caso do Poder Judiciário. 

1. Diante desse quadro estarrecedor de crimes e traições, que permeiam o governo, comprometendo as instituições e os Poderes Constitucionais, NÓS, O POVO BRASILEIRO, no exercício do Poder Instituinte, temos o Dever Constitucional de através de nossos representantes das Forças Armadas, intervir no processo político e legalmente afastar os governantes, nomeando um Governo de Transição, que deverá, restabelecer os Poderes Constitucionais, punir e caçar politicamente os culpados nos exatos termos da lei (artigo 142 do CPM e artigo 10 da Lei de Segurança Nacional), adequar as instituições, dotando-as de mecanismos de proteção e, após a normalização das funções de Estado, convocar eleições gerais, consolidando a democracia, que é a segurança do Direito. 

1. Além de crimes contra a administração pública, os governantes cometeram o típico do artigo 142 do Código Penal Militar, por permitir o contrabando e o subfaturamento de minérios, fato que determina a competência da Justiça Militar, para julgá-los: 

Art. 142. Tentar: 

I – submeter o território nacional, ou parte dele, à soberania de país estrangeiro; 
II – desmembrar, por meio de movimento armado ou tumultos planejados, o território nacional, desde que o fato atente contra a segurança externa do Brasil ou a sua soberania; 
III – internacionalizar, por qualquer meio, região ou parte do território nacional: 

1. Quando veio a público o escândalo do Mensalão, que ocorreu em razão da fragilização dos Poderes Constitucionais, se as Forças Armadas tivessem INTERVIDO CONSTITUCIONALMENTE, como legalmente previsto, certamente não teria ocorrido o Petrolão. 

O PEDIDO 

Ante o exposto, de notoriedade pública, requeremos a Vossa Excelência o quanto segue: 

1. A imediata Intervenção Constitucional nos Poderes da República, afastando-se do governo e das estruturas do Estado os governantes, e demais criminosos e traidores, que infestam a administração pública. 

1. A nomeação de Governo de Transição, composto por uma junta governativa, por exemplo, que deverá restabelecer as Instituições, processar e punir os culpados, auditar os órgãos oficiais e, após a normalização democrática (segurança do Direito), convocar eleições gerais, principiando pelas municipais, realizando, subseqüentemente, as Estaduais e, finalmente, a Federal; 

1. A suspensão dos trabalhos legislativos, até que sejam restabelecidas as Instituições; ação que deverá ocorrer no mais breve período de tempo possível; 

1. A procedência do pedido, em respeito às determinações Constitucionais, para restabelecer as Instituições, e a verdadeira democracia, reintegrando o Povo brasileiro na posse do Brasil. 

Termos em que, Pedem deferimento. Brasil, 7 de outubro de 2015. 

■ ACDB REQUERIMENTO FFA 
http://cidadaniaedefesa.com/acdb-requerimento-ffaa/ 

- VIII -

RUY BARBOSA
URL da Imagem 
Ruy Barbosa 
Escritor, Jurista e Político
“De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto... Essa foi a obra da República nos últimos anos. 

No outro regime (Monarquia) o homem que tinha certa nódoa em sua vida era um homem perdido para todo o sempre - as carreiras políticas lhes estavam fechadas. Havia uma sentinela vigilante, de cuja severidade todos se temiam a que, acesa no alto, guardava a redondeza, como um farol que não se apaga, em proveito da honra, da justiça e da moralidade gerais. 

Na República os tarados são os tarudos. Na República todos os grupos se alhearam do movimento dos partidos, da ação dos Governos, da prática das instituições. Contentamo-nos, hoje, com as fórmulas e aparência, porque estas mesmo vão se dissipando pouco a pouco, delas quase nada nos restando. Apenas temos os nomes, apenas temos a reminiscência, apenas temos a fantasmagoria de uma coisa que existiu, de uma coisa que se deseja ver reerguida, mas que, na realidade, se foi inteiramente. 

E nessa destruição geral de nossas instituições, a maior de todas as ruínas, Senhores, é a ruína da justiça, colaborada pela ação dos homens públicos, pelo interesse dos nossos partidos, pela influência constante dos nossos Governos. E nesse esboroamento da justiça, a mais grave de todas as ruínas é a falta de penalidade aos criminosos confessos, é a falta de punição quando se aponta um crime que envolve um nome poderoso, apontado, indicado, que todos conhecem..." 
(Ruy Barbosa - Discursos Parlamentares - Obras Completas - Vol. XLI - 1914 - TOMO III - pág. 86/87) 

Palavras de um dos Traidores da Pátria que após a tragédia do Golpe de Estado de 15 de novembro de 1889, vendo a grande lambança na primeira Ditadura Republicana da História do Brasil que ingenuamente ajudou consumar... Arrependido, percebeu tardiamente as virtudes da Democracia da Monarquia Parlamentar (Constitucional) do Império do Brasil que desprezou, quando se deu conta que havia substituído e reduzido o Respeitado Império que ombreava com as outras três potências do planeta, à um país ditatorial de terceira categoria. Pelas suas discordâncias em relação ao Regime Militar que de certa forma participou da sua construção... Se exilou na Inglaterra (País Monárquico até hoje).

Oportunista de plantão se tornou Republicano de última hora. Junto aos Traidores da Pátria com um Golpe derrubam a Monarquia Constitucional Parlamentar Representativa Imperial Brasileira. Arrependido voltou a ser Monarquista, fazendo questão de ir a Paris pedir desculpas ao Imperador exilado D. Pedro II, um ano antes da sua morte lhe fala: "Majestade, me perdoe, eu não sabia que República era isso" - tamanha sua decepção com o estado do país após a proclamação da República.  
NOSSO DESTINO DE GRANDEZA FOI INTERROMPIDO POR UMA TRAIÇÃO.
Essa República de Mentira nada acrescentou de útil, virtuoso e verdadeiro ao Brasil. Por mais que me esforce, não consigo ver nobreza alguma em vossos representantes políticos republicanos brasileiros... Tampouco algo em suas atitudes que os honrem ou engrandeçam.
"(...) À medida em que o povo foi tomando conhecimento do acontecido, movimentos pela volta da Família Imperial começaram a eclodir por todo o Brasil. O Exército do governo republicano os destroçou com punho de ferro. (...)"
- IX -
Fragmento da Matéria:
RESSURGINDO DAS CINZAS
(...)
R• Contudo, os Poderes Constitucionais da República se acham corrompidos, conforme menciona o Dr. Antonio Ribas Paiva em vídeo, onde conclui que há uma usurpação do poder de estado pela maioria da classe política, que o tem utilizado para beneficiar a si mesma enquanto relegam as necessidades da nação. Assim sendo, eles não iriam ter a iniciativa de conclamá-las. Cabe então à sociedade, fonte de todo poder e legitimidade governamental, clamar pela ação corretiva das Forças Armadas para salvar a pátria do jugo comunista - como tem feito.
"Não se acerta doce de merda. Você pode por açúcar e mexer à vontade que você não acerta. Você tem que jogar a panela fora e fazer outro doce... Impeachment é querer acertar doce de merda com açúcar, não dá, pô."
Dr. Antônio J. R. Paiva
Pois é!... Esta é a lambança dessa tua já 6ª fracassada República (Nova República); e ainda tem ingênuo defendendo essa inútil moralmente ilegítima Forma de Governo Presidencialista que principiou na ilegalidade, com a implantação da 1ª e mais sanguinária Ditadura Militar da História do Brasil, cujas suas predadoras consequências se estenderam pelo futuro numa sucessão de ditaduras civis e militares... Não adianta apenas espantar as varejeiras da Merda. O problema está na República Brasileira em si.


• Thriller do Impeachment 
https://www.youtube.com/watch?v=a1yMcTdZqt0&feature=share 

O Impeachment no atual Estado Deplorável de Coisas é o mesmo que trocar a sujeira de mãos. Não adianta apenas espantar uma das Varejeiras da Merda. 
Como essa inútil degradada classe política republicana brasileira se finge de burra para não largar o osso!...
Aos 24:31 - "Nós temos que ter Estadistas, e não Gerentes de interesses transnacionais. Como nós sempre tivemos (...) A própria Proclamação da República foi comprada. Na época o Brasil da proclamação da república em 1889, o Brasil tinha perto de 14.000.000 de habitantes, nenhum deles era republicano. Talvez você tivesse 1.000 republicanos no Brasil... Talvez. Você tinha o povo interessado em sobreviver que respeitava a Monarquia Brasileira. 14.000.000 contra 1.000, foi isso; e os 1.000 venceram. Só que há época em 1889 o Brasil era a segunda potência econômica e militar do mundo; de 1889 para 1964, o Brasil caiu do 2º lugar para o 46º lugar, e hoje é o 7º; quer dizer, em 150 anos não conseguiu, em 126 anos né, não conseguiu voltar ao 2º lugar, e talvez não consiga mais. (...)
Não é pelo fato de estar sucateado, é o seguinte, a Proclamação da República não foi um anseio popular, ela foi comprada pela potência hegemônica na época, que era o Império Britânico, o que... A troco de quê um marechal ia proclamar a república a pedido de 1.000 pessoas, quando 14.000.000 de pessoas não se interessavam pela república... Esse foi o primeiro golpe aplicado contra o Brasil; não que eu defenda a Monarquia, não, eu defendo a soberania; na época o Brasil era soberano, proclamou a república ele deixou de ser, entrou em decadência e não foi repescado em momento algum por nenhuma das repúblicas: nem pelo Estado Novo, nem pela República Velha, e nem pela Nova República, e nem pela nossa Revolução de 64; não foi, continua em decadência; ele não foi repescado, não teve auto-determinação... (...)"
"ASSISTAM! NECESSIDADE DA INTERVENÇÃO DA NAÇÃO!"
Aos 02:03: As forças Armadas são instrumentos da sociedade assim como as demais instituições. Então é uma INTERVENÇÃO DA SOCIEDADE através de um instrumento constitucional, que são as Forças Armadas. É a mesma coisa que você falar que o BISTURI é o Médico: não é... As FFAA são o bisturi da sociedade; só isto"

Aos 21:05"Não se acerta doce de merda. Você pode por açúcar e mexer à vontade que você não acerta. Você tem que jogar a panela fora e fazer outro doce... Impeachment é querer acertar doce de merda com açúcar, não dá, pô. Não vai resolver o problema político institucional do Brasil. Você tem que afastar a classe política através de uma intervenção constitucional praticada pela nação através dos seus instrumentos que são as FFAA. As Forças Armadas não podem DECIDIR INTERVIR de moto próprio. ELAS TÊM QUE SER CHAMADAS PELA NAÇÃO."
Aos 06:27"Não é o Congresso o guardião da legalidade... Pois quem está no poder normalmente não quer mudar nada" (...)
"Houve uma usurpação do poder do Estado pela classe política" e assim o que a sociedade quer deveria ser atendido pelos membros dos poderes da República, mas ele explica que no caso presente é impossível." (...)
"O legislador constitucional através dos redatores técnicos deixou muito claro que as FFAA tem a destinação de defesa da Pátria, e dos poderes constitucionais... Mas os poderes constitucionais foram usurpados pelo crime e se comunicam muito bem no sentido de prejudicar a nação."
(Dr. Antônio J. R. Paiva)
S• No caso de uma intervenção, as Forças Armadas irão resolver o caos atual. Restaurarão a lei, a ordem, e os serviços públicos; limparão a classe política de comunistas, corruptos e traidores da pátria, que seriam julgados sob a Lei Marcial; consertarão as leis e a Constituição corrompidas por inserções socialistas absurdas através de uma nova Assembleia Constituinte livre, composta por membros comprovadamente honestos e notoriamente competentes da sociedade civil; restaurarão a infraestrutura abandonada; e repatriarão as grandes quantias enviadas inconstitucionalmente para o exterior pelo PT e seus asseclas. Após tudo isso feito, elas voltarão a assumir seu papel normal e conclamarão novas eleições realmente democráticas, quando o Brasil irá finalmente ressurgir das cinzas em que hoje se encontra, restaurando o império que jamais deveria ter sido usurpado arbitrariamente dos brasileiros com o Golpe dos Positivista em 15 de novembro de 1889.

Que Deus abençoe o Brasil e o povo brasileiro!

T A Doutora no vídeo abaixo defende com veemência a inútil e moralmente ilegítima forma republicana de governo brasileira, além de demonstrar ser admiradora da Seita Positivista de Auguste Comte – aos 27:10 ― Defender a Forma de Governo Republicana Presidencialista Brasileira da Seita Positivista, alienígena às nossas raízes históricas e a legítima identidade nacional (nunca existiu identidade nacional republicana brasileira), parida defunta em 15 de novembro de 1889 com a tragédia da inauguração da primeira Ditadura Militar da História do Brasil, cujas suas predadoras consequências se estenderam pelo futuro numa sucessão de ditaduras civis e militares... Usurpando o Brasil dos brasileiros nesses 128 de retrocessos e fracassos, que conduziu pela 6ª vez a nação a este grande nada absoluto – obviamente não é defender o Brasil. No desastre republicano brasileiro, a defesa da pátria é dever Supra-Ideológico, Supra-Partidário e Supra-Constitucional. A extinção da República nada tem a ver com a extinção das Forças Armadas como a Professora afirma; assim como a extinção do Império do Brasil não extinguiu as Forças Armadas. Cabe as Forças Armadas a Defesa da Pátria, não a defesa do Governo, não a defesa da Forma de Governo Republicana em si, e sim a defesa do Brasil. 

• As Forças Armadas na Constituição de 1988
https://www.youtube.com/watch?v=qbSpLOVp6ps
- X -
Não se prostitua... Não seja conivente.
1• Não se prostitua, não seja conivente com a promiscuidade política partidária republicana brasileira. Pare de bajular, defender ou idolatrar partidos e políticos. Políticos não passam de Funcionários Públicos muito bem pagos com as mais altas taxas tributárias do planeta, para servirem ao país e os anseios do povo. Quem paga seus altos salários é você, eles são teus empregados... Você não deve agradecer o político quando cumpre seu juramentos feitos sobre a Constituição, ele está fazendo apenas sua obrigação e não um favor. 
2• O mau exemplo tem vindo do próprio Poder Constituído. E pior: atualmente no Brasil quando um Deputado, Senador, Prefeito, Governador ou Presidente faz a ínfima parte do tem que ser feito, pois fazer e bem feito, não passa das suas elementares obrigações, aparece um monte de idiotas aplaudindo, defendendo os seus acanhados feitos ou Partidos Políticos... Caricatura do que deveria ser feito. Pagamos os impostos mais caro do Planeta para termos serviços de qualidade de país desenvolvido, mas nos devolvem esmolas.
URL
3• A incompetente corrompida, delinquente e prostituída Máquina Estatal Republicana escraviza a nação, prioriza a manutenção e o perpetuamento de um Inimaginável Abominável Oceano de Esgoto já há muito explicito, impedindo que o país prospere em todos os níveis, principalmente em prol do desenvolvimento humano e da felicidade do seu povo. São praticamente todos Traidores da Pátria. Com as imundícies dos seus mau-caratismos, essa gente destrói o maior tesouro da nação na sua essência com seus maus exemplos, por estarem aliciando crianças e jovens que amanhã estarão fazendo pior do que estes em quem se espelham no presente. Isso é crime de Traição à Pátria, Lesa-Pátria; que degrada qualquer nação a partir da destruição moral da sua reserva humana, e que deveria ser punido com a Pena de Morte.

4• A República alienígena às nossas Raízes Históricas e a Legítima Identidade Nacional (não existe identidade nacional republicana brasileira), foi arbitrariamente imposta por meia dúzia de traidores da pátria pertencentes a Seita Positivista, que usurpou o Brasil dos brasileiros, subtraiu a sua nacionalidade e seu conceito de pátria. Em vão no Brasil foram feitas seis tentativas para ressuscitar essa República que nasceu defunta; e já tem, não só políticos, pensado em reinventar uma Nova 7ª República Salvadora da Pátria, reescrevendo o Trapo que se transformou sua Constituição pela 7ª vez, fingindo acreditar que finalmente desta vez os resultados serão diferentes...
5• "(...) • Apenas a Restauração da Monarquia poderá garantir a democracia e a prosperidade no Brasil, pois o Imperador permanecerá acima das querelas partidárias e das paixões ideológicas, guiando todos os brasileiros na construção de um País que liderará o Concerto das Nações e brilhará em meio à Cristandade. — Com Dom Pedro Henrique de Orleans e Bragança, Marechal Humberto Castelo Branco, Marechal Artur da Costa e Silva, General Emílio Garrastazu Médici, General Ernesto Beckmann Geisel e General João Baptista de Oliveira Figueiredo em Vassouras. (...)"
6• Lembro ao povo Cristão dessa Terra de Santa Cruz, que os fundamentos dessa República de Mentira, imposta arbitrariamente por meia dúzia de Traidores da Pátria, membros da Seita Positivista do francês Isidore Auguste Marie François Xavier Comte (August Comte) nada têm de Cruz; portanto nada justifica ao menos aos Senhores que se dizem cristãos, lutarem para perpetuar a principal causa da Desgraça Nacional: essa República com sua Bandeira Positivista, indiferente às nossas Raízes Históricas e a Legítima Identidade Nacional (nunca existiu identidade nacional republicana brasileira).
7• “A Igreja Positivista do Brasil foi fundada no dia 11 de maio de 1881 por Miguel de Lemos na atual Rua Benjamin Constant, Nº. 74, no Bairro da Glória, na Zona Sul da Cidade do Rio de Janeiro. Sua sede é o Templo da Humanidade, onde ocorre a celebração da Religião da Humanidade, ou Positivismo, doutrina criada pelo filósofo francês Augusto Comte (1798 - 1857).”

Reino do Terror Republicano - Marianne 01 – Marianne 02

Nesse esgoto moral da classe política republicana brasileira, o Impeachment de um presidente, apenas favorece os interesses partidários, e muda a sujeira de mãos, além de não ter o poder para banir do Território Nacional os partidos envolvidos com a rede de corrupção, mais o Partido dos Traidores da Pátria com seus coligados, junto com todos os partidos copartícipes do Foro de São Paulo. Entretanto entendo que os movimentos Pró-Impeachment é mais simples de ser assimilado pela maioria lobotomizada desde tenra idade nos bancos das escolas por professores Socialistas&Comunistas Idiotas Úteis, contribuindo para a indignação coletiva quanto a desqualificação desta Organização Criminosa travestida de Governo, legitimando o desencadear de uma Intervenção Federal Constitucional Militar, cujos resultados seriam mais abrangentes... Único meio de punir de fato a Escória Partidária Politiqueira do país que nada acrescenta e só subtrai. O resto é balela e politicagem inútil.
Matérias relacionadas: 

- XI -
Apenas uma Intervenção Militar Legal&Constitucional, sem derrubar a degradada fracassada inútil defunta Forma Republicana de Governo Presidencialista Brasileira, não resolve.
Seria o mesmo que continuar insistindo ingenuamente nos mesmos erros, na ilusão de se obter finalmente desta vez resultados diferentes... Em 1889, meia dúzia de Traidores da Pátria membros da Seita Positivista, desencadearam uma sucessão de fracassos que se estenderam pelo futuro... Culminando com as imundícies desse Oceano de Esgoto Moral sem precedentes em Terra de Santa Cruz.
A• Já passou da hora de se recuperar e devolver o que nos foi tomado; basta que cumpram a Constituição (artigos 1º, 142º e 144º) e honrem seus juramentos feitos perante essa bandeira da Seita positivista que inventaram em 1889. O cumprimento dos deveres das FFAA independe do povo ir às ruas legitimarem uma Intervenção Militar como ocorreu em 1964. Naquela época o clamor público se justificava porque a Intervenção Militar não estava prevista na Constituição; entretanto hoje está, não havendo a necessidade do povo exigir que a lei seja cumprida para que as FFAA façam o seu trabalho, intervindo nesse Estado de Coisas Desconjunturadas Desconjuradas já institucionalizadas, e sendo apressadamente constitucionalizadas... Não confunda hoje Intervenção Federal Constitucional Militar com Golpe ou Ditadura. Portanto ou cumprem com seus Deveres Constitucionais ou traem a nação. 
B• Talvez seja isso que as FFAA estejam aguardando para se eximirem dessa responsabilidade... Apenas que a Constituição seja alterada para não cumprirem com seus deveres e obrigações do presente, análogo ao que ocorreu em 1889, quando o Exército hoje dito o do Militar Monarquista Duque de Caxias do Império do Brasil, traiu toda a nação. Tragédia cujas suas predadoras consequências se estenderam pelo futuro... Então já se alinharam às Organizações Criminosas do Poder Central, ou por incompetência perderam suas capacidades de Ação & Reação para atuarem no cenário de horrores que se desenha...
Da esquerda para a direita, os novos comandantes (2015): do Exército, Eduardo Villas Bôas; da Marinha, Eduardo Leal Ferreira; e da Aeronáutica, Nivaldo Rossatto (Fotos: Divulgação/Escola Superior de Guerra/Agência Força Aérea)
• General de Brigada Paulo Chagas apóia a marcha.
• Se houver guerra, vamos à luta! (General de  Brigada Paulo Chagas)
https://plus.google.com/110663682213472257506/posts/URn5PZ5JBKa
C• Quando os alicerces da nação são fragmentados pelas atividades predadoras das facções coligadas partidárias, objetivando os corrosivos interesses obscuros do Partido Único... Uma Intervenção Militar Constitucional se faz necessária (artigos 1º, 142º e 144º). Diferentemente ao ocorrido de 1964, hoje esta ação reparadora está prevista na Carta Magna, e será apoiada pela esmagadora maioria da população, para conduzir democraticamente o Brasil por um caminho, que garanta ao povo aliciado por ideologias alienígenas, recuperar um mínimo de seus discernimentos perdidos nos últimos 30 anos, direcionando a nação a uma transição segura, para a Forma de Governo que já foi por aqui consagrada, e que além de ser a que melhor funcionou, tem mais sintonia com nossas Raízes Históricas, e a Legítima Identidade Nacional. Não é Golpe, e sim na atual Desconjuntura, é defender e resguardar a Soberania Nacional dos inimigos internos e externos, e banir este regime que não serve ao Brasil. Nunca existiu identidade nacional republicana brasileira, tampouco social&comunista republicana.
D• Quanto mais tempo for retardada esta ação urgente e tão necessária, mais brasileiros morrerão em função da Inútil Política Marginal Republicana depredadora, principalmente a dos últimos 30 anos. A omissão por parte das FFAA, além de irresponsavelmente estar consentindo que os desserviços desses Desgovernos continue assassinando em torno de 200.000 brasileiros por ano, ainda permite que as Coligações das Facções do Foro de São Paulo ao qual o Governo Central é Mentor, se fortaleçam cada vez mais em solo brasileiro, e continuem contratando explicitamente com dinheiro público, legiões de mercenários estrangeiros, preparando a reação armada contra uma provável Intervenção Militar Constitucional, que terá como objetivo resgatar o Brasil para devolve-lo aos brasileiros.

E• Essa Desgraça Nacional Republicana é responsabilidade do Exército dito de Caxias, e cabe a esse Exército o dever e a obrigação em desfazer seu malfeito sem que ninguém o autorize para que o faça... Devolvendo o Brasil para os brasileiros. Ninguém o autorizou quando inventou à revelia a Defunta República dos Estados Unidos do Brasil em 15 de novembro de 1889. Então que conserte a sua lambança. Nada mais coerente e justo os militares devolverem a Monarquia Parlamentar Representativa Imperial para os brasileiros, se é que ainda existe Forças Armadas para isso... Basta a vontade de se fazer um trabalho de transição bem feito desta vez... Cada vez mais acredito que o resultado de um novo Plebiscito nesta atual desconjuntura será pior ao da Grande Fraude do Plebiscito de 1993. Se é ruim com a ajuda das Forças Armadas... Pior sem elas. Afinal foi o Exército (hoje dito do Monarquista Caxias do Exército Imperial Brasileiro) o executor do Golpe de 1889.
F• A Tragédia Republicana Brasileira é Coisa dos Militares... Subproduto de um Crime de Usurpação do Poder praticado pelo Exército, quando participou executando o trabalho sujo para alguns Traidores da Seita Positivista, inventando essa Ilegítima República de Mentira nunca proclamada de fato, inaugurada como a Primeira Ditadura Militar da História Brasil. Cabe exclusivamente ao Exército dito de Caxias auxiliado pelas demais forças, honrar o seu Patrono com uma ação enérgica efetiva para desinfetar o país da Praga que corrói a Nação. Basta reconhecer seu erro de 15 de novembro de 1889, desfazer o malfeito que acabou com o Brasil, e se livrar definitivamente dessa nódoa negra que mancha essa instituição. Doa a quem doer... Manter o Desastre Republicano Brasileiro, é o mesmo que apoiar GOLPES e DITADURAS impostos arbitrariamente. Qualquer coisa diferente disso é Politicagem Inútil que jamais conduzirá a Nação Brasileira a lugar algum.
G• "Aprendi em longínquas aulas de Teoria Geral do Estado a definição básica: o Estado é a Nação politicamente organizada. Logo, Estado e Nação, em muitos aspectos, completam-se e confundem-se. Já o Governo, este é um grupo terceirizado, escolhido e contratado por prazo fixo, que deve executar o que a Nação/Estado deseja. O Governo é, portanto, um empregado da Nação, nada mais que isso. Há tempos os brasileiros estão descontentes com seu governo – agora com inicial minúscula – e vêm demonstrando sua insatisfação nas ruas e na Internet, que são os únicos canais que estão abertos para tal reclamação". (Gen Clovis Purper Bandeira – editor de Opinião do Clube Militar)
O que fazer na falência dos Três Poderes...?
H• A despeito da intensa propaganda republicana, a idéia da mudança de regime político não ecoava no país. Em 1884, foram eleitos para a Câmara dos Deputados, apenas três republicanos. Na legislatura seguinte, apenas um conseguiu ser eleito. Na última eleição parlamentar realizada no Império do Brasil, a 31 de agosto de 1889, o Partido Republicano só elegeu dois Deputados. Percebendo que não conseguiriam realizar seu projeto político pelo voto, os republicanos contrariando a democracia da Monarquia Parmamentar (Constitucional) do Império do Brasil, optaram por concretizar seus ideais alienígenas adversos à autêntica Identidade Nacional pelos piores caminhos possíveis. Apelando pelo Golpe de Estado (Militar), fundando o primeiro Estado de Exceção da História do Brasil.
I• O primeiro partido republicano no Brasil foi o Partido Republicano Paulista, (PRP), criado na Convenção de Itu em 1873. O PRP era um partido legalizado apesar de o Brasil ser uma Monarquia. O PRP conseguiu eleger apenas três deputados na Assembléia Geral de Deputados durante toda a sua existência no Império do Brasil (1822-1889), porém, conseguiu infiltrar-se no meio militar, o que foi decisivo para a queda da Monarquia Parlamentar Constitucional Representativa Imperial Brasileira, conseguintemente do Imperador Dom Pedro II, para fundarem arbitrariamente a República dos Estados Unidos do Brasil.
J• O que fazer quando a Prostituição Parlamentar da Defunta República Brasileira impede o cumprimento da sua Constituição; quando o Poder Constituído passa o tempo todo explicando o inexplicável, legalizando o ilegalizável... Legitimando o ilegitimável, numa estranha descarada complacente cumplicidade justificando suas predatórias inconstitucionalidades? - A laboriosa lobotomia ideológica desde tenra idade a partir dos bancos das escolas, executada com primor por aliciadores das Organizações Criminosas que se apoderaram do Brasil, já há muito fez com que o povo perdesse sua capacidade de discernir quanto ao único antídoto eficaz contra a avassaladora vandalização generalizada do país.


K• Senhores monarquistas, não sejam tão ingênuos assim!... Sem primeiramente uma Intervenção Federal Militar Constitucional, não existe a menor chance da Monarquia ser restaurada neste país. 1º) Limpar a casa, 2º) Reeducar o povo quanto as Raízes Históricas do Estado Soberano e Independente Brasileiro, fundado como Império; emancipado a partir de 7 de setembro de 1822, para se resgatar a autêntica Identidade Nacional (processo árduo que levará no mínimo 3 anos...). 3º) Restaurar a Monarquia Parlamentar Representativa Imperial Brasileira, pela aclamação de um povo já consciente (o que nunca vai acontecer enquanto insistirem em ressuscitar este lamentável Cadáver Político Republicano Brasileiro em alto grau de decomposição, e não enterrá-lo definitivamente). Até parece que os Senhores defendem a manutenção dessa politicagem inútil, da fracassada moralmente ilegítima República Federativa Brasileira, com suas falidas instituições aparelhadas.
URL
L• Na atual desconjuntara a população não deve continuar se humilhando a partir de Abaixo-Assinados, Petições ou algo do gênero, formulando pedidos de reivindicações, como muitos continuam fazendo, implorando qualquer coisa a este Governo Federal composto por pessoas inconsequentes & delinquentes que vandaliza toda a nação, além de agora este Poder Constituído se mostrar ilegítimo por representar apenas uma minoria. Não alimente ilusões de se obter algum resultado prático, na esperança de que finalmente este Desgoverno vai começar a fazer sua mais básica das obrigações: trabalhar para seus verdadeiros Patrões e donos do Brasil; o povo brasileiro.
M• Que coisa mais deprimente se humilhar rastejando perante esse tipo de gente que deve ser descartada. Esse tempo já passou. Ficar ocupando prédios disso e daquilo por este Brasil afora, solicitando CPIs que nunca nos conduziu a lugar algum, ou esperando que algum Prefeito, Governador e mesmo a Presidente renuncie, é um trabalho além de desgastante, inútil. Mesmo que haja alguma renúncia ou um impeachment... Nada mudará. Continuaremos todos na mesma nau à deriva por este imenso Mar de Esgoto, sendo conduzida pelas mesmas quadrilhas, rumando em direção às profundezas das trevas.
N• A tragédia é bem maior do que se desenha nas ruas. É esta Forma de Governo que nunca funcionou a contento desde que foi implantada arbitrariamente o antidemocraticamente a força, à revelia da vontade da maioria, conseguintemente à margem da lei, em 15 de novembro de 1889. Portanto este Regime Republicano Brasileiro é moralmente ilegítimo desde sua imposição, quando foi inventada a primeira Ditadura da História do Brasil. A mais cruel e sangrenta de todas, neste macabro cenário que já dura 124 anos de retrocessos e fracassos. Tentar mais uma vez juntar os cacos com o lodo de tanta lambança... É burrice. 
O• No universo demente republicano brasileiro, na farra dos 32 inúteis Partidos que nada acrescenta, só subtrai, Levy Fidelyx tem sido quase exceção junto com Jair Bolsonaro, por estar sistematicamente denunciando o Rolo Compressor do Foro de São Paulo, ambição do Partido dos Trabalhadores (PT), inventado por Lula e Fidel, apoiado pela Presidência da República representada na figura da Presidente Dilma Rousseff. Quando essa gente lobotomizada desde tenra idade nos bancos das escolas, que idolatra Políticos, Ícones & heróis de Barro ideológicos, Partidos... Vai começar a se indignar com coisa séria, como o Estupro Coletivo promovidos pelas orgias promíscuas sequeladoras das avassaladoras ejaculadas múltiplas com o dinheiro público, que vem assassinando milhões de brasileiros ao longo dos últimos 30 anos, pelas Pegajosas Insaciáveis Ventosas dos Tentáculos das Facções Narco-Psicopatas-Partidárias Copartícipes dos Regimes-Síndico-Comuna-Socialistas-Golpistas, à serviço das Organizações Criminosas da Descarada Máquina de Prostituição Parlamentar do Poder Central... Chega de serem ridículos, basta da lambança dessa masturbação infinita ideológica predatória, gozada todos os dias na cara dos brasileiros.
P• Só homens aparentemente com algum preparo físico e idade homogênea para exercer qualquer atividade paramilitar (onde estão as mulheres, crianças e idosos destes "refugiados ou imigrantes"?)... E não param de chegar. Cubanos, Haitianos, Dominicanos, Gaaneses, Senegaleses e outros Africanos... Para se juntarem a Legião dos milhares de "Médicos Cubanos". Por que essa gente depois de passar por República Dominicana, Panamá, Equador e Peru, entram pelo Estado do Acre na Tríplice Fronteira formada com Peru e Bolívia, e a partir daí é disseminada por cidades pequenas sem nenhuma oportunidade de emprego? Nem as pequenas cidades da Serra Gaúcha estão sendo poupadas. Em pleno Carnaval de 2015 vi dezenas deles em trânsito pelos municípios da região falando um idioma incompreensível para mim, e não param de chegar.
Q• A prostituição parlamentar brasileira, legalizando o ilegalizável... Legitimando o ilegitimável, viabilizando a imposição arbitrária do Organismo Ideológico do Foro de São Paulo. Custe o que custar... Doa a quem doer, nem que seja necessário importar com o dinheiro público imensa massa humana mercenária, que terá autorização para matar brasileiros em solo pátrio, rumando para a consolidação da Pátria Grande da União das Repúblicas Socialistas Sul-Americanas. A prioridade do Ingovernável Cadáver Republicano Brasileiro do Poder pelo Poder, jamais foi a população brasileira, tudo tem girado em torno da pressa para a implantação de obscuras ambições ideológicas. Diante disso, neste Estado Distorcido Depravado de Coisas, a possibilidade de se reverter o Desastre Nacional sem uma Intervenção Federal Constitucional Ampla e Irrestrita, contando apenas com as instituições dantes democráticas já há muito aparelhadas... É nula.

R• Basta que o Exército dito o do Imperial de Caxias honre o seu Patrono e cumpra com suas obrigações, deveres constitucionais (artigos 1º, 142º e 144º), seus juramentos feitos a Bandeira Republicana que inventaram em 1889; simbolismo da Seita Positivista que apenas representa uma Forma de Governo que nunca cumpriu à que veio, alienígena às nossas Raízes Históricas e a Legítima Identidade Nacional, e não o Brasil na sua essência. Os Senhores bem sabem disso, façam bem feito desta vez, sejam corajosos... Ajam com responsabilidade respaldados pela Constituição Federal de 1988, intervindo democraticamente dentro da lei, reconhecendo que cometeram um grande engano em 15 de novembro de 1889, quando inauguraram o primeiro Estado de Exceção Republicano da nossa história, cujas suas predadoras consequências se estenderam pelo futuro... Desproclamem essa Malfadada Fracassada Farsa Republicana que acabou com o Brasil nunca proclamada de fato, e por isso moralmente ilegítima. Livrem-se definitivamente dessa Nódoa Negra que envergonha esta Instituição que se julga respeitável. Recuperem o destino de grandeza da Pátria Amada interrompido por uma Traição.
• URSAL

- XII -

Intervenção Federal Constitucional
Se utilizar legitimamente hoje de uma INTERVENÇÃO MILITAR prevista na constituição, sem derrubar a principal causa da DESGRAÇA NACIONAL, é se limitar novamente a um GRANDE NADA. A intervenção não passa de uma emergência do presente, porém sem DERRUBAR O SISTEMA, será um investimento certeiro num NOVO FRACASSO.

Intervenção Militar Constitucional
"Uma série interminável e crescente de escândalos que tem alarmado cronicamente o povo brasileiro nos últimos anos, especialmente nos governos do Partido dos Trabalhadores (PT), está gerando também movimentos que buscam alternativas e soluções para o atual sucateamento das instituições governamentais e a desestabilização da sociedade brasileira. (...)"
• Entenda o que é a intervenção militar constitucional 
http://www.epochtimes.com.br/entenda-intervencao-militar-constitucional/#.VJowAV4C-A 
01 Quanto ao Impeachment de um Presidente nesse Estado Desconjuntural de Coisas Aparelhadas já Institucionalizadas & Constitucionalizadas, apenas contribui para o prejuízo de todos, em função do prolongamento da agonia dessa Decadente República de Mentira, redirecionando mais uma vez o Brasil a um novo Nada Absoluto. Derrubar a Fracassada Forma Republicana de Governo é a Solução Definitiva contra os Corrosivos Políticos que não passam de Predadoras Hienas, juntamente com seus inúteis 33 Partidos. Essa Desgraça Nacional Republicana é Responsabilidade do Exército dito de Caxias, e cabe a esse Exército o dever e a obrigação em desfazer seu malfeito sem que ninguém o autorize para que o faça... Devolvendo o Brasil para os brasileiros. Ninguém o autorizou quando inventou à revelia a Defunta República dos Estados Unidos do Brasil em 15 de novembro de 1889. Então que conserte a sua lambança.
02 No Flagelo Republicano Brasileiro, não importa o lado que escolhas... Qualquer que seja a Facção Política eleita nessa moralmente ilegítima República, o resultado final sempre será um grande nada. É assim que tem sido e sempre será. Enquanto a alienígena Bandeira da Seita Positivista que representa a criação do primeiro Estado de Exceção da História do Brasil tremular em seu território continental, indiferente às nossas raízes históricas e a legítima Identidade Nacional, não for descartada e substituída pelo Pavilhão Original, símbolo das origens do Respeitado Estado Brasileiro Independente e Soberano que existiu até 1889; jamais a Nação Brasileira reencontrará o seu destino de grandeza interrompido por uma Traição.
URL
03 Essa República de Mentira nunca proclamada de fato jamais cumpriu à que veio, só que os Senhores ainda não perceberam isso. A cada geração criada, educada, influenciada dentro deste ineficiente omisso Sistema Corrompido Viciado, ingenuamente passa a acreditar na recuperação destas estruturas corroídas. É natural este apego e o impulso de tentar juntar os cacos. Afinal foi o mundo herdaram, são seus universos. É compreensível que não pensem em opções melhores... Mesmo que tenhamos o exemplo do Império de Brasil como país independente, soberano e respeitado entre o universo das nações no seu tempo, e o do desastre desta Moralmente Ilegal Decadente República Fora da Lei que acabou com o Brasil... Pensam pequeno. Preferem por sugestão ou burrice induzida, continuarem presos ao corpo deste Estado em decomposição que rasteja em direção ao abismo.
URL da Imagem
04 O Primeiro Estado de Exceção da História do Brasil surgiu em 1889 com a inauguração da República dos Estados Unidos do Brasil, inventada por meia dúzia de traidores da pátria. Principiou pelos piores caminhos possíveis, nas sombras conspiratórias, por meio de intrigas, mentiras, sem honra ou grandeza, arbitrariamente sem uma consulta popular, na ilegalidade do Golpe Militar Republicano de Traição e Lesa-Pátria de 15 de novembro de 1889, nódoa negra do Exército Brasileiro que nada justifica ser homenageado pelo nome do outrora Duque de Caxias do Exército Imperial; dívida vergonhosa que jamais legitimará as ações dos Traidores inventores da Farsa Republicana que acabou com o Brasil.

05 A República alienígena às nossas Raízes Históricas e a Legítima Identidade Nacional (não existe identidade nacional republicana brasileira), foi arbitrariamente imposta por meia dúzia de traidores da pátria membros da Seita Positivista, que usurpou o Brasil dos brasileiros, subtraiu a sua nacionalidade e seu conceito de pátria. Em vão no Brasil foram feitas seis tentativas para ressuscitar esta República que nasceu defunta; e já tem político pensado em reinventar uma Nova 7ª República Salvadora da Pátria, reescrevendo o Trapo que se transformou sua Constituição pela 7ª vez, fingindo acreditar que finalmente desta vez os resultados serão diferentes... 
O MONARQUISTA DUQUE DE CAXIAS JAMAIS PARTICIPARIA DE UMA CONSPIRAÇÃO PARA DERRUBAR O IMPÉRIO DO BRASIL. O EXÉRCITO REPUBLICANO BRASILEIRO ADOTÁ-LO COMO PATRONO, É DESONRAR A SUA MEMÓRIA. POR QUE NÃO SE SERVIU DOS SEUS HERÓIS DE BARRO, COMO DEODORO DA FONSECA OU FLORIANO PEIXOTO? 
06 Observo que nestes quase 126 anos de retrocessos republicanos desse regime abortado defunto em 15 de novembro de 1889, fizeram um excelente trabalho de lobotomia. Hoje por diversas razões, muitas delas obscuras, indivíduos ingênuos & iludidos por ideologias estranhas às nossas Raízes, zumbizados pela doutrinação Comunista da Seita Positivista nas escolas, lobotomizados desde tenra idade. Outros com seus interesses ideológicos obscuros ou suas conveniências pessoais... Consideram mais extraordinário e relevante os 400 mortos dos 20 anos da última Ditadura Militar, a maioria Terroristas e Guerrilheiros mortos em combate, do que o genocídio de 150.000 pessoas massacradas pela repressão do primeiro Governo Ditatorial Republicano, no seu curto período inicial de 7 anos a partir de 1889: três vezes mais mortes entre militares e civis brasileiros do que nos 7 anos que durou a Guerra do Paraguai; quando a população brasileira era 11 vezes menor que a atual; o que corresponderia na atualidade a um genocídio de 1.650.000 mortes... Agora defender a manutenção dessa Ilegítima Ditadura Republicana Genocida Brasileira*, que seguiu matando pelo futuro milhões com suas inconsequências, negligências, omissões... É de uma falta de conhecimento extrema, de uma burrice crônica absoluta, ou de uma voracidade predatória sem precedentes... *Em qualquer país, um governo que se mantém com 7% de aprovação é uma Ditadura. Caindo Dilma com o seu "Perda Total", quase nada mudará nessa República de mentira nunca proclamada de fato.
07 O estrago foi e continua sendo tão devastador, que têm muita gente (obviamente os mais jovens) priorizando* os 360 ou 400 mortos dos membros da Luta Armada: média de 17 ou 19 pessoas por ano durante os 21 anos dos "Terríveis Anos de Chumbo" (providencialmente se esquecendo das vítimas provocadas por suas ações terroristas), sendo a maioria Terroristas e Guerrilheiros que tentaram impor um Regime Totalitário Comunista, à custa de muito derramamento de sangue, e contra a vontade de ao menos 95% da população brasileira... Em detrimento de se oporem às Mazelas geradas pelos omissos Desgovernos do presente, que vandaliza toda a nação, produzindo anualmente com suas delinquências, omissões, desserviços... Mais de 200.000 cadáveres de brasileiros, além de não menos 300.000 sobreviventes sequelados.
08 Essa prioridade* irracional artificial de mensuração (cegueira), produz um estranho efeito nessas pessoas, gerando um fenômeno de entorpecimento coletivo em relação à tragédia genocida do presente, que diretamente atinge negativamente a vida de todos. Assim passam a priorizar um passado distante ao qual nunca estiveram presente (objetivo dos seus mentores), mesmo que isso não lhes acrescente nenhum benefício (estratégia de manipulação de massas, que pelo visto tem funcionado). Então foi criado um paradoxo pela contínua, sistemática e criminosa manipulação dessas mentes desde tenra idade, fazendo com que ajam como zumbis, perdendo suas capacidades de discernir, pelo menos em relação sobre o quê foi laboriosamente progressivamente implantado sem que percebessem durante suas formações (rebanho amestrado controlado abduzido).
09 Priorizando* a média de 17 ou 19 mortos por ano, durante os 21 anos da Luta Armada nos “Anos de Chumbo” do passado, obedecendo à programação intencional feita criteriosamente em suas mentes, agem como robôs, negligenciam as mazelas deste Corrupto Omisso Incompetente Poder Constituído do presente, que concernente apenas as mortes por homicídios anualmente, corrobora com cerca de 60.000, além de deixar outros 120.000 sequelados (Brasil registrou sozinho 10% dos assassinatos de todo o mundo em 2012). São vítimas atingidas diretamente pelos efeitos da Corrupção e Omissão das Organizações Criminosas das Coligações & Facções Interpartidárias do Poder Constituído, que literalmente explicitamente, além de legislarem em causa própria, agora ficam 365 dias por ano em contínua campanha política, bancada na maioria das vezes com o dinheiro do contribuinte.
10 Interessante que quase ninguém questiona como a Lambança Política Republicana principiou. Reclamam das suas mazelas mas não da República em si imposta arbitrariamente por um Golpe de Estado. Lembro aos Senhores Analfabetos Funcionais que foi em 1889, com um Golpe Militar de Traição e Lesa-Pátria à revelia. Essa primeira Ditadura para se manter, massacrou impiedosamente 150.000 brasileiros (aos 6:28 do Vídeo:) apenas nos seus 7 primeiros anos de violenta repressão (mulheres, crianças, anciões, ex-escravos e militares opositores à arbitrariedade do primeiro Estado de Exceção Republicano da História do Brasil), numa época em que a população brasileira era de apenas 17.000.000 (12 vezes menor que a atual), que representaria hoje ao genocídio de 1.800.000 pessoas.
11 Portanto há muita incoerência neste atual quadro de inconstitucionalidades, cujas negligências, inconsequências, segue matando mais de 250.000 brasileiros por ano, os Senhores se ocuparem com as intenções suspeitas desses incompetentes corruptos Desgovernos Republicanos, ao ficarem priorizando & choramingando somente os 400 mortos do último Regime Militar, demonizando apenas a mais Branda Ditadura desse Regime Político Republicano, inaugurado como Totalitário pelos próprios militares, e negligenciar as maiores tragédias das Tiranias desse mesmo Regime... Além de ser de uma burrice tamanha, nada de proveitoso acrescentará à nação. Defender esse Regime Presidencialista Republicano Brasileiro, é o mesmo que defender Golpe Militar e Ditadura.
12 A Trágica República Brasileira sem identidade abortada defunta na ilegalidade do Golpe de Traição em 1889, definitivamente acabou com o Estado Independente, Soberano e Respeitado no universo das nações no seu tempo, fundado em 1822 como Império do Brasil, tem tido um degradado sinistro histórico inútil... Perdeu a credibilidade, além de nada ter acrescentado de virtuoso e verdadeiro, corremos o risco de perder nossa liberdade alcançada e a Soberania Nacional.
13 Já passou da hora do Exército dito o do  Imperial de Caxias (Se vivo fosse em 15 de novembro de 1889, jamais o Golpe Republicano de Traição e Lesa-Pátria se consumaria) devolver o que foi tomado à revelia. Chega da lambança dessa masturbação infinita ideológica predatória, gozada todos os dias na cara dos brasileiros. Basta de orgias promíscuas sequeladoras com o dinheiro público, promovidas pelas Ligas das Facções Narco-Psicopatas-Partidárias Copartícipes dos Regimes-Síndico-Comuna-Socialistas-Golpistas, à serviço das Organizações Criminosas da Máquina de Prostituição Parlamentar do Poder Central, dessa já 6ª fracassada insana Experiência Ressuscitadora do Cadáver da Malfadada República de Mentira, da Seita Positivista nunca proclamada de fato que acabou com a nação Brasileira.
URL
Fuzileiros Navais
14 A prostituição parlamentar brasileira, legalizando o ilegalizável... Legitimando o ilegitimável, viabilizando a imposição arbitrária do Organismo Ideológico do Foro de São Paulo. Custe o que custar... Doa a quem doer, ruma para a consolidação da Pátria Grande da União das Repúblicas Socialistas Sul-Americanas. A prioridade do Ingovernável Cadáver Republicano Brasileiro do Poder pelo Poder, jamais foi a população brasileira, tudo tem girado em torno da pressa para a implantação de obscuras ambições ideológicas. Diante disso, neste Estado Distorcido Depravado de Coisas, a possibilidade de se reverter o Desastre Nacional sem uma Intervenção Federal Constitucional Ampla e Irrestrita, contando apenas com as instituições dantes democráticas já há muito aparelhadas... É nula.

- XIII -
Intervenção Federal Militar Constitucional
A• Os Políticos dessa Decadente República nascida defunta em 1889, não passam de insaciáveis predadoras moscas varejeiras travestida de cores deslumbrantes que ilude e camufla seus obscuros interesses. No deleite das suas devastadoras lambanças, devoram sem piedade o suculento erário produzido pela colossal máquina arrecadadora de impostos que escraviza a nação. Dinheiro que obrigatoriamente deveria retornar proporcionalmente em benefícios, para que não continuem morrendo milhões de brasileiros por falta de serviços básicos de qualidade. Direitos estes ironicamente garantidos pela própria Constituição, que deveriam ser proporcionais a estas abusivas mais altas taxas tributárias do planeta, que pune inescrupulosamente a todos nós.

B• O nível intelectual ético & moral dessa classe política é ridículo e alarmante. A maioria dos Políticos por mais que se esforcem jamais conseguirão se livrar das trevas da ignorância, ou da teia pegajosa das inconsequências, delinquências, que os atraí como insaciáveis moscas varejeiras a se grudarem no lodo do deleite das suas lambanças e conivências. Onde a regra é a impunidade... Paraíso das falcatruas e incompetências onde se utilizam inescrupulosamente de hordas de zumbis Lobotomizados amestrados da grande parcela do povo alienado, sem identidade, sem referência de pátria, perdido, sem capacidade de discernimentos, vulnerável, sem vontade própria, trabalhado, iludido, manipulado, sem ética, vendido... Rebanho abduzido obediente, ordeiro, conformado... Bobo & Burro. Ingênuos Analfabetos funcionais.
C• A maioria dos Políticos nessa palhaçada do Regime Moralmente Ilegítimo Republicano de Mentira Brasileiro, são inúteis aberrações humanas que se masturbam intelectualmente continuamente com suas sandices... Perdidos em suas bizarrices, covardemente causam a milhares de indefesas criaturas que os elegem, infinito desespero. Com inimaginável atrocidades dos maus-caratismos das suas ações predatórias, de muitos tiram-lhes com extrema dor suas vidas, mesmo que seja indiretamente com suas Incompetências, Negligências, Delinquências, Omissões... Saciam seus mórbidos prazeres, quando se lambuzam nas suas lambanças numa orgia sem fim... Usufruindo das maiores tributações jamais vistas nessa Terra de Santa Cruz desde 1500, nunca suficientes para manter suas imundícies.
D• Orgia sustentada à custa das mais altas taxas tributárias do planeta, nunca suficientes para manter a Macabra Ciranda que assassina mais de uma centena de milhares de brasileiros por ano, além de impedir o desenvolvimento humano e o progresso do país. Paradoxalmente seus requintes de crueldades, constroem engenhosamente em torno de si mesmos, um mundo sem volta de amarguras sem precedentes... Já há muito com certeza perderam suas capacidades lógicas de discernimento, limitando e sucumbindo suas miseráveis existências, no angustiante pegajoso lodo das suas irracionalidades. Essa Raça Maldita junto com seus Inúteis Partidos Políticos que vandalizam toda a nação, devem ser imediatamente extintos, com a Ação Emergencial Legítima & Democrática de uma Intervenção Federal Constitucional sem precedentes... Caso ainda exista FFAA para isso.
E• Não passam de belas carcaças irrecuperáveis rastejando pelos meandros da demência. Malditas predadoras almas vazias. Com certeza sucumbirão engolidas pelos abismos das trevas sem que façam falta a ninguém. Inúteis criaturas que deveriam ser executadas pelos seus crimes de Lesa-Pátria. Praga de inúteis criaturas que têm que ser exterminada, antes que seus desserviços acabe definitivamente com o Brasil. Que assim seja em seus futuros que constroem no presente com suas Organizações Criminosas aliadas e coligadas partidariamente, onde a prioridade é o Poder simplesmente pelo Poder e saquear a nação.

F• Perdidos nas alucinações das suas ilimitadas medíocres ambições... Nas bizarrices das suas sandices, continuamente com mau-caratismo dispõem do Erário. Requintado alimento dos seus insaciáveis sórdidos prazeres, onde todos se lambuzam nas imundícies suas lambanças... Nessas prolongadas inconsequentes descaradas delinquências inconstitucionais já institucionalizadas, arvoram-se para constitucionalizá-las. Sem noção de limites engessam o progresso, e assassinam milhões de brasileiros. Malditos das trevas, coesos e solidários ao lodo do esgoto moral sem precedente na trajetória da nossa história, de onde lançam seus imundos pegajosos tentáculos corruptores. 

G• Essas Insaciáveis Varejeiras sugam num abraço macabro inescrupuloso sem piedade o máximo que podem... Essa gente com suas imundices destrói o maior tesouro da nação na sua essência com o mau-caratismo dos seus exemplos, por estarem aliciando crianças e jovens, induzindo-os a fazerem amanhã pior do que estes abutres em quem se espelham no presente. É a descarada explícita degradação da nação colocando em risco a Soberania Nacional, pela destruição moral da sua reserva humana.Isso é crime de Traição à Pátria (Lesa-Pátria). 

H• A Podridão do Esgoto Moral Republicano é tamanha, que apenas um simples IMPEACHMENT não terá a menor eficácia, pois as imundícies da Facções Criminosas dos Poderes Constituídos Corrompidos em todos o níveis continuarão vandalizando a nação... Então que o apelo ao IMPEACHMENT, que não deixa de ser uma "ferramenta" de fácil assimilação, pois a Intervenção Constitucional que é o único caminho prático, o que apresentaria resultados imediatos, parece que ainda assusta essa gente... Que as MANIFESTAÇÕES sirvam então como demonstração coletiva de insatisfação com esse vergonhoso e Catastrófico Estado de Coisas... E a partir daí, tenha um desdobramento mais promissor do que apenas o IMPEACHMENT que não tem poder de tratar os dejetos dessa Fossa Política Republicana.

I• Impeachment será o mesmo que continuar insistindo ingenuamente nos mesmos erros, na ilusão de se obter finalmente desta vez resultados diferentes... Em 1889, meia dúzia de Traidores da Pátria membros da Seita Positivista, interromperam nosso destino de grandeza, desencadeando uma sucessão de fracassos que se estenderam pelo futuro... Culminando com as lambanças desse Oceânico Esgoto Moral sem precedentes na Terra de Santa Cruz. Já passou da hora para recuperar e devolver aos brasileiros o que lhes tomaram.
URL da Imagem
J• A Tragédia Republicana Brasileira é Coisa dos Militares... Subproduto de um Crime de Usurpação do Poder praticado pelo Exército, quando participou executando o trabalho sujo para alguns Traidores da Seita Positivista, inventando essa Ilegítima República de Mentira nunca proclamada de fato, inaugurada como a Primeira Ditadura Militar da História Brasil. Cabe exclusivamente ao Exército dito de Caxias auxiliado pelas demais forças, honrar o seu Patrono com uma ação enérgica efetiva para se desinfetar da Praga que corrói a Nação. Basta reconhecer seu erro de 15 de novembro de 1889, desfazer o malfeito que acabou com o Brasil, e se livrar definitivamente dessa nódoa negra que mancha essa instituição. Doa a quem doer... Manter o Desastre Republicano Brasileiro, é o mesmo que apoiar GOLPES e DITADURAS impostos arbitrariamente. Qualquer coisa diferente disso é Politicagem Inútil que jamais conduzirá a Nação Brasileira a lugar algum.
URL
K• A República alienígena às nossas Raízes Históricas e a Legítima Identidade Nacional (não existe identidade nacional republicana brasileira), foi arbitrariamente imposta por meia dúzia de traidores da pátria pertencentes a Seita Positivista, que usurpou o Brasil dos brasileiros, subtraiu a sua nacionalidade e seu conceito de pátria. Em vão no Brasil foram feitas seis tentativas para ressuscitar essa República que nasceu defunta; e já tem não só políticos pensado em reinventar uma Nova 7ª República Salvadora da Pátria, reescrevendo o Trapo que se transformou sua Constituição pela 7ª vez, fingindo acreditar que finalmente desta vez os resultados serão diferentes...
L• No Flagelo Republicano Brasileiro, não importa o lado que escolhas... Qualquer que seja a Facção Política eleita nessa moralmente ilegítima República, o resultado final sempre será um grande nada. É assim que tem sido e sempre será. Jamais a Nação Brasileira reencontrará o seu destino de grandeza interrompido por uma Traição, enquanto a alienígena Bandeira da Seita Positivista que representa a criação do primeiro Estado de Exceção da História do Brasil tremular em seu território continental, indiferente às nossas raízes históricas e a legítima Identidade Nacional, não for descartada e substituída pelo Pavilhão Original, que simboliza as origens do Respeitado Estado Brasileiro Independente e Soberano que existiu até 1889.

M• Na tragédia da Defunta República Brasileira, o desastre da predadora politicagem inútil consegue a incrível façanha de fazer desaparecer anualmente num imenso vazio R$ 600.000.000.000,00 (600 bilhões), em detrimento de toda a nação. Isso é muito dinheiro até para os Estados Unidos. Com estas cifras atualizadas, o Mensalinho, Mensalão, e o RomBobrás do PeTrolão, viram meras gorjetinhas de criança pobre. Esse desperdício equivale a 3.000 Mensalões ou a 8 Petrolões. Um terço da arrecadação de impostos, alimenta as descaradas incompetências e orgias dessa decadente ilegítima experiência republicana brasileira nesse Colossal Grande Nada que conduz a Lugar Algum, punindo a população que produz, arruinando com o Brasil. E você que paga até sem saber estas mais altas taxas tributárias do planeta, sem ter o devido justo retorno proporcional em serviços de qualidade, até dos mais elementares direitos previstos na Constituição, ainda acredita que nesse ambiente republicano ainda existe saída, votando no seu candidato bonzinho.

N• Pagamos as mais altas taxas tributária do planeta para isso!... Esse Vandalismo Institucionalizado Republicano Brasileiro, agora Constitucionalizado, como consequência, segue assassinando e mutilando com suas delinquências milhões de brasileiros... A República no Brasil fracassou, só você que ainda não viu. Nesse momento histórico, a saída inteligente é a Intervenção Federal seguida com a extinção sumária desses 40 Partidos Políticos, cujas suas prioridades partidárias & coligações têm sido unicamente o Poder pelo Poder e saquear a nação, seguida com a Desproclamação dessa República, que sempre tem sido sinônimo de Desgraça Nacional desde 15 de novembro de 1889, para recomeçar do zero a construir um novo Brasil.
 
 URL 
O• Com a Política Nacional e os Poderes Corrompidos & Aparelhados, resta apenas a dita Instituição hoje considerada a mais respeitável do país, ironicamente responsável pela imposição dessa decadente República nunca proclamada de fato que acabou com o Brasil... DESPROCLAMÁ-LA. Quem fez a grande lambança que a conserte. Sim!... Isso é possível pelo fato da imposição arbitrária dessa República no país, ser considerada moralmente ilegítima e fora da lei, inaugurada como um Regime Ditatorial Militar, que em nome da sua consolidação, com mão de ferro massacrou dezenas de milhares de brasileiros. 

P• Não se consegue ver nada de sensato na curiosa sucessão de desastres ocorridos após o Golpe republicano que descaracterizou e mutilou este país. O Brasil perdeu seu status de nação respeitada quando ombreava com as três potências globais, fazendo com que perdesse sua identidade, seu rumo, a autonomia e a auto-estima. A República não cumpriu à que veio, se perdeu em si mesma nas suas mediocridades... Fazendo com que deixássemos de ser.

Q• As Crises Constitucionais cada vez mais se agigantam nessa Decadente REPÚBLICA. Entre os Mandos e Desmandos dos Governos ao longo dos últimos 125 anos de tortuosos meandros de falcatruas, fracassos... Ilusões, já se somam 12 Estados de Sítios, 17 Atos Institucionais, 6 Dissoluções do Congresso, 19 Revoluções ou Intervenções Militares, 2 Renuncias Presidenciais, 3 Presidentes Impedidos, 4 Presidentes Depostos, 7 Constituições Diferentes, 4 Ditaduras e 9 Governos Autoritários... Culminando neste esgoto de inconstitucionalidades desta já trágica 6ª República que agoniza.

R• Em 7 de setembro de 1822 o Brasil se emancipa, culminando em seguida na Fundação do Império do Brasil Independente e Soberano. Constitui um Governo pela Forma Monárquica Parlamentar Constitucional Representativa, considerada a mais liberal e democrática entre o universo das nações em seu tempo. No Segundo Reinado, a Armada Imperial junto com a Marinha Mercante foi a 2ª Potência Naval do Planeta. Com status de 3ª Economia e Potência Global, ladeava com Inglaterra, França e Estados Unidos, como uma das nações mais respeitadas. O Destino de grandeza do Brasil foi interrompido em 15 de novembro de 1889, por um Crime de Alta Traição cometido por alguns membros da Seita Positivista.

S• O fim do respeitado Império do Brasil foi decretado em 15 de novembro de 1889, pelo Marechal Deodoro da Fonseca com um Golpe de Traição e Lesa-Pátria, sob a forma de uma quartelada quase sem força política e nenhum apoio popular... É o início do primeiro Estado de Exceção Republicano da História do Brasil, que destituiu o último Imperador Brasileiro. Sem o conhecimento da população, D. Pedro II com sua família foram expulsos do Território Nacional, às escondidas na calada da noite em exílio para a Europa, e seus bens foram espoliados. O nome do país mudou de Império do Brasil para Estados Unidos do Brasil, e a Bandeira Imperial foi substituída provisoriamente por uma caricatura (réplica tingida de verde e amarelo) da Bandeira dos Estados Unidos da América do Norte.

T• Existe uma grande Dívida Genocida Histórica que esta República tenta a todo custo criminosamente apagar da memória da nação, fingindo que nunca existiu. Em 15 de novembro de 1889, alguns Traidores da Pátria, todos membros da Maçonaria, perdidos nas suas lucubrações, influenciados por Regimes alienígenas às nossas Raízes Históricas e a Legítima Identidade Nacional, talvez acreditando que faziam uma grande coisa pelo Brasil, inventaram com suas irresponsabilidades a primeira e mais sanguinária Ditadura Militar da História do Brasil.

U• As tropas do Exército Republicano Brasileiro sob o comando dos seus Tirânicos Ditadores, nos sete primeiros anos de República, em nome da sua consolidação, incluindo as Guerras de Canudos e Contestado, abateu brutalmente sem piedade, a maioria sumariamente, mais de 150.000 brasileiros monarquistas, federalistas, ex- escravos lutando por seus direitos, crianças, mulheres, anciãos, militares... Reivindicantes do retorno à Monarquia. Isso significa três vezes mais brasileiros mortos do que nos sete anos da Guerra do Paraguai, que proporcionalmente a população atual do Brasil corresponde a um genocídio envolvendo 1.700.000 vítimas, já que a população da época era 11 vezes menor.

V• Quando se questiona isoladamente a Intervenção Militar de 1964, que pelos percalços se transformou em Regime Militar, reivindicando 400 mortos, quase todos ojerizados pela população (a maioria Terroristas e guerrilheiros mortos em ação)... Ingenuamente mesmo que ainda não saibam, estão questionando a legalidade ou legitimidade da República em si, que nada teve de democrático nas suas origens. Uma Ilegítima República Golpista arbitrariamente imposta e autoritariamente sustentada à custa do sangue de milhares de brasileiros que se opuseram ao seu Regime Tirânico Fora da Lei, oficializada antidemocraticamente por meia dúzia de Traidores da Pátria que legalizaram suas ilegalidades na base da brutalidade sem uma consulta popular... Naturalmente não tem como funcionar, e continuará sendo um desastre enquanto perdurar...
URL 
W• Hoje por diversas razões, muitas delas obscuras, indivíduos ingênuos & iludidos por ideologias estranhas às nossas Raízes, zumbizados pela doutrinação Comunista da Seita Positivista nas escolas; lobotomizados desde tenra idade. Outros com seus interesses obscuros ou suas conveniências pessoais; consideram mais extraordinário e relevante os 400 mortos dos 20 anos da última Ditadura Militar, a maioria deles Terroristas e Guerrilheiros mortos em combate, do que o genocídio de 150.000 pessoas massacradas pela repressão do primeiro Governo Ditatorial Republicano, no seu curto período inicial de 7 anos a partir de 1889 (três vezes mais mortes entre militares e civis brasileiros do que nos 7 anos que durou a Guerra do Paraguai). Situação bem diferente da que ocorreu em 1964, quando milhões saíram às ruas exigindo uma Intervenção Federal Militar, para deter o Avanço Comunista.

X• Os Regimes de Exceção: Autoritários, Totalitários, Ditatoriais... Que suprimiram as liberdades alcançadas pela Democracia da Monarquia Parlamentar Imperial Brasileira, a partir de 15 de novembro de 1889, são invenções dessa República Golpista nunca proclamada de fato, imposta arbitrariamente como o primeiro regime ditatorial militar da História do Brasil. Tragédia que interrompeu o nosso destino de grandeza, cujas suas predadoras consequências se estenderam pelo futuro... Mergulhando o país nesse Terceiro Mundismo que inventaram.

Y• Um Brasil Imperial da atualidade será o resgate dos nossos valores morais históricos, adaptados a uma Monarquia Parlamentarista Constitucional moderna, harmônica com nossa Legítima Identidade Nacional*, reorganizando e saneando a baderna do Crime Organizado desta Politicagem Republicana inútil. A restauração do Império Grande e Respeitado se processará com a limpeza orgânica do tecido corrompido em franca decomposição do Estado Republicano, punição dos corruptos e irresponsáveis do poder público, substituição por tecido novo não comprometido, com a paralela adoção de comportamento restritivo e vigilante atuante nos pontos críticos desse verdadeiro caos social. Pátria amada e verdadeiramente democrática, onde voltaremos a sentir orgulho de sermos brasileiros. *Identidade Nacional Republicana Brasileira não existe. O que impuseram arbitrariamente em 1889 foi uma Ditadura Militar que dizimou cerca de 150.000 brasileiros nos seus 7 primeiros anos de fracassos... Numa época em que a população era 11 vezes menor; o que corresponderia na atualidade a 1.700.000 de mortos, em nome da Francesa Marianne. Isso não é Identidade Nacional* em lugar algum.

Z• A Monarquia Parlamentar Brasileira no seu tempo foi um exemplo de liberdade e democracia para o mundo. A Forma de Governo Monárquica onera infinitivamente menos os cofres públicos, e, comparativamente proporcionalmente, é o regime das nações mais democráticas, desenvolvidas, menos corruptas, que se preocupam mais com o desenvolvimento humano do que a maioria das prósperas Repúblicas, proporcionando aos seus cidadãos mais qualidade de vida, e, conseguintemente mais felicidade ao povo. A Monarquia Parlamentar Constitucional já foi consagrada aqui, e o é no mundo. A Monarquia além de ser contínua, mais eficiente, barata, democrática, menos corrupta... Seu Governo não é interrompido de 4 em 4 anos para a farra das eleições presidenciais, paralisando todo o país juntamente com seus programas populistas imediatistas em nome de um falso civismo; onde as Quadrilhas do Crime Organizado dos Partidos oferecem a opção de escolha entre dois ou três candidatos preferidos pela Máfia das Coligações & Alianças Partidárias, para nos dar a ilusão de liberdade e democracia, e que somos nós que escolhemos o Presidente da República.
“Parlamentarismo autêntico só com Monarquia, pois o Monarca é suprapartidário e tem posição equânime em relação aos partidos”... “O Monarca é o símbolo vivo da nação, personifica sua tradição histórica e lhe dá unidade e continuidade”... “O Monarca não tem que pensar nas próximas eleições, e sim nas futuras gerações”... “O Imperador pensa nas próximas gerações... O Presidente pensa nas próximas eleições”. Não há interesse da parte do Monarca em se corromper, colocando em risco sua continuidade... Desonrando sua dinastia. Até agora a Forma de Governo que melhor funcionou no Brasil foi o Monárquico Parlamentar do Império.
O "Monarca, pela continuidade dinástica, não faz parte de grupos, classes, nem possui ligações regionais, não deve seu poder a partidos, grupos econômicos, não tem promessas eleitorais a cumprir (nunca cumpridas de fato nos 125 da história republicana do Brasil), não está sujeito a tentação de valer-se de uma rápida passagem pelo seu governo para tirar benefícios e vantagens particulares à custa da nação". Sem a existência do Poder Moderador a Monarquia Parlamentar do Império não teria a menor chance. Esse poder é pessoal e privativo do Imperador, assessorado por um Conselho de Estado. É inaceitável restaurar a Monarquia no Brasil sem este Poder, pois nosso Imperador não passaria de um Fantoche.
Defendo a Monarquia Parlamentarista para acabar com a descarada orgia com o erário, reduzindo drasticamente a corrupção, enxugar e moralizar a Máquina Política & Administrativa, livrar o Brasil dos interesses partidários característicos do Regime Republicano Presidencialista, sempre colocados acima das necessidades da nação. Libertar a população do mau-caratismo dos exemplos do Presidente, que em nome das vantagens, exclusividades, ambições... Essencialmente partidárias; alicia e degrada principalmente nossas crianças e jovens, destruindo a reserva moral da nação e colocando em risco a Soberania Nacional... Enfim! Defendo por ser um sistema mais eficiente e que já foi consagrado aqui e o é no mundo.
"O Monarca pensa nas próximas gerações... O Presidente pensa nas próximas eleições"
- XV -
Revolucionários, Terroristas e afins... 
7 de setembro de 2013 - Cidade do Rio de Janeiro (Militantes da ALN)

Iara Iavelberg ladeada por Carlos Lamarca e Maria Célia Lundberg
Faltaram as fotos de Genoíno, José Dirceu e Dona Dilma.
Iara chegou ao Marxismo através do movimento estudantil e, militando no MR-8, conheceu Carlos Lamarca, comandante da Vanguarda Popular Revolucionária (VPR) dois meses depois dele desertar do exército, em abril de 1969. A paixão entre a filha de milionários paulista que tornou-se socialista e o filho de sapateiro carioca, capitão desertor do Exército Brasileiro e um dos líderes da luta armada, foi fulminante. Os dois foram viver juntos e passaram dez meses escondidos em 'aparelhos' pelo país. Uma das companhias do casal nestes esconderijos e que testemunhou de perto a relação entre os dois, foi a guerrilheira 'Vanda', da VPR, codinome de Dilma Roussef, décadas depois a primeira mulher presidente do Brasil.
Iara Iavelberg nasceu numa rica família judia paulistana e aos 16 anos já estava casada. O casamento, com um médico, durou apenas três anos e ela deixou a relação para entrar na militância política. Separada, e mal entrada nos vinte anos, virou adepta do amor livre, moda na época, e entre um de seus casos esteve o líder estudantil José Dirceu. Alta, bonita, de olhos claros e corpo bem cuidado, virou a musa da intelectualidade estudantil paulista de esquerda ao meio da década de 1960. Destemida e vaidosa, nos seus tempos de clandestinidade era capaz de sair de um 'aparelho' para cortar os cabelos nos melhores salões de Ipanema, no Rio de Janeiro.
Caçados pelo governo, Iara e Lamarca (fila de cima) aparecem em cartazes de 'Terroristas Procurados' por todo o Brasil.
Maria Célia Lundberg acabou sendo mais uma "vítima" do Regime Militar, por nunca ter pego em armas ou participado fisicamente de ações terroristas. Maria Célia Lundberg, 68, dava aulas de alfabetização para pessoas carentes em Sabará (MG) e era militante da ALN (Aliança Libertadora Nacional) quando foi presa, em 1971.
Sem nunca ter pego em armas, ela diz que foi torturada e violentada por cinco dias e libertada sob ameaças. Acabou fugindo para o Chile e, depois, para a Suécia onde vive desde 1973 (preferiu um país Monárquico ao Comunista).
No início de outubro de 2012, voltou ao Brasil para participar da 62ª edição das Caravanas da Anistia, promovida pelo Ministério da Justiça. A comissão concedeu a ela indenização e pensão vitalícia pelas torturas no DOPS, em Minas Gerais.

Nesta Lambança Republicana, nem eles mais se entendem na Colossal Fossa Moral que criaram. (Militantes da ALN em ação)
Ação Libertadora Nacional (ALN) é uma organização guerrilheira, revolucionária brasileira de tendência comunista que empreendeu luta contra a ditadura militar no Brasil 1964-1985, atuou nos movimentos FORA COLLOR e CARAS PINTADAS em 1992 e voltou a estar presente nas ruas nos PROTESTOS DE JUNHO DE 2013, contra a má qualidade do transporte público, educação, saúde, contra a corrupção entre outros.
O grupo surgiu no fim de 1966, com a saída de Carlos Marighella do Partido Comunista Brasileiro, após sua participação na conferência da Organização Latino-Americana de Solidariedade (OLAS) em Havana (Cuba).
A LEI deve prevalecer para os dois Símbolos. Bem!... A idéia está lançada. Basta por aqui aperfeiçoar a LEI ANTINAZISTA existente. Os mesmos critérios adotados na LEI ANTINAZISMO, devem ser aplicados também ao COMUNISMO. 
- XVII -
Fragmento da matéria: 
“Unânime Aclamação dos Povos”
Na época da Independência, as Cortes Revolucionárias de Lisboa, enviaram ao então Príncipe Dom Pedro um ultimato de seu regresso a Portugal, no entanto os Brasileiros lutaram até o último instante pela permanência do Príncipe, que culminou no Dia do Fico. Em sua coroação a 1 de Dezembro de 1822, recebe o título de “Defensor Perpétuo”. Mas em sua aclamação recebeu o título “Unânime Acclamação dos Povos”.

Segue nas Matérias:

Unanime Aclamação dos Povos
http://emanuelnunessilva.blogspot.com.br/2014/11/unanime-aclamacao-dos-povos.html

A Magia de um Sonho
http://emanuelnunessilva.blogspot.com.br/2015/07/a-magia-de-um-sonho.html


31 de março de 1964
• Pouco antes da Intervenção Militar de 1964, um grupo de militares de alto escalão – supostamente, a mando do Marechal e futuro Presidente Castelo Branco (1897-1967) – foi até a Fazenda Santa Maria, no interior do Paraná, onde vivia, com sua esposa e doze filhos, o Príncipe Dom Pedro Henrique (1909-1981), na época, Chefe da Casa Imperial do Brasil, para oferecer ao Príncipe a oportunidade de se tornar Imperador, por meio de um Golpe de Estado.

• O exemplo do Príncipe foi e é seguido por todos os membros da Família Imperial, assim também como por todos chefes da Casa Imperial do Brasil, de D. Isabel (1891-1921) à D. Luiz Gastão (1981-hoje).

• Em manifesto escrito em 1913, o Príncipe D. Luiz Maria (1878-1920), herdeiro da Princesa Isabel (1846-1921), disse: "Nunca, nem meu venerado avô [Dom Pedro II], nem minha mãe [Dona Isabel], pensamos em deter a coroa contra a vontade da Nação, sempre lhes repugnou a ideia sequer da guerra civil, por mais nobre e desinteressantes que fossem os seus motivos."

• D. Luiz Gastão, atual Chefe da Casa Imperial desde 1981, repete o exemplo: "Uma verdadeira Monarquia não pode ser implantada pelo golpe de força de um grupo, mas deve vir organicamente, da aspiração de conjunto da Nação [...] Quando esse anseio se tornar majoritário, a Monarquia, acabada expressão política da Civilização Cristã, poderá ser restabelecida no Brasil, de modo estável e benfazejo. Quando isso se dará, só Deus Nosso Senhor o sabe, mas, creio, bem antes do que poderia parecer à primeira vista".
2ª Postagem do Artigo:
A GRANDEZA DE UM VERDADEIRO IMPERADOR
Causa Imperial
Há exatos cinquenta anos, ocorria a Intervenção Militar, quando a Forças Armadas, temendo a ameaça de uma sanguinária ditadura comunista, causada pelo inapto e mal-intencionado Presidente João Goulart (1919-1976), removeram o Presidente do poder, dando início ao Governo Militar, que duraria até o ano de 1985.

O que poucos sabem é que, pouco antes da Intervenção, um grupo de militares de alto escalão – supostamente, a mando do Marechal e futuro Presidente Castello Branco (1897-1967) – foi até a Fazenda Santa Maria, no interior do Paraná, onde viva, com sua esposa e doze filhos, o Príncipe Dom Pedro Henrique (1909-1981), na época, Chefe da Casa Imperial do Brasil, para oferecer ao Príncipe a oportunidade de se tornar Imperador, por meio de um golpe de estado.

Sem hesitar, e demonstrando tremenda grandeza moral, o Príncipe Dom Pedro Henrique respondeu: “Não utilizarei de artimanhas republicanas para retornar ao poder. A Monarquia só volta pela vontade popular, pois, só assim, será legítima.”

Assim, o Príncipe evidenciou o quanto a Monarquia está intrinsecamente ligada à democracia. A Constituição de 1824 já dizia que o Imperador do Brasil reina “Por Graça de Deus e Unânime Aclamação dos Povos”.

Mesmo sem ter ascendido ao Trono, o Príncipe Dom Pedro Henrique não deixou seu povo – seus filhos – desamparado. Em 1965, Sua Alteza Imperial e Real se mudou, com toda a sua família, para a cidade de Vassouras, no Rio de Janeiro, com a intenção de permanecer mais próximo dos grandes centros urbanos, onde poderia auxiliar os brasileiros, ao longo dos anos turbulentos do Governo Militar.

Até o fim de sua vida, o Príncipe Dom Pedro Henrique lutou por um Brasil melhor. Sua Alteza Imperial e Real não viveu o suficiente para ver a redemocratização. O Príncipe faleceu em Vassouras, no dia 5 de julho de 1981, deixando, em seu testamento, nada mais do que um grande exemplo:

“Meus filhos, as circunstâncias não me permitem que lhes deixe uma fortuna material considerável. Mas três coisas faço questão em lhes deixar: em primeiro lugar, a Fé Católica Apostólica Romana herdada dos nossos maiores; em segundo lugar, uma boa educação; e em terceiro lugar, a consciência da missão histórica da nossa Família.”

Com suas ações, o Príncipe Dom Pedro Henrique demonstrou toda a grandeza de seu caráter, além de ter evidenciado o quão bem preparado estava para ser Imperador, e o quão superiores a Monarquia e seus Imperadores são à República e seus Presidentes, pois, do estúpido Marechal Deodoro da Fonseca à terrorista Dilma Rousseff, passando pelo genocida Marechal Floriano Peixoto e pelo bandido Lula da Silva, pelo fascista Getúlio Vargas e pelo ladrão Fernando Collor de Mello, nenhum dos Presidentes do Brasil, ao longo destes quase cento e vinte cinco anos de desastrosa República, teria deixado – ou deixou! – passar a oportunidade de dar um golpe.
 
Os militares antes do Golpe 31 março de 1964 (mais um Contra-Golpe aplicado no Golpe de 15 de novembro de 1889), tentaram devolver a Monarquia aos brasileiros - Aos 05:30 do vídeo.
 
Para àqueles que acham que o Príncipe Dom Pedro Henrique deveria ter aceitado colaborar com um golpe de estado, deixamos três citações, de três de seus doze filhos:

“Uma verdadeira Monarquia não pode ser implantada pelo golpe de força de um grupo, mas deve vir organicamente, da aspiração de conjunto da Nação. Aspirações dessas ocorrem na vida dos povos em diferentes circunstâncias, o mais das vezes, pela irremediável falência de uma situação anterior. No Brasil de hoje, há um profundo descontentamento, patenteado aqui nas recentes e surpreendentes manifestações de rua, um grande anseio por algo diferente, algo melhor, algo que já existiu e que perdemos... Quando esse anseio se tornar majoritário, a Monarquia — acabada expressão política da Civilização Cristã — poderá ser restabelecida no Brasil, de modo estável e benfazejo. Quando isso se dará, só Deus Nosso Senhor o sabe, mas, creio, bem antes do que poderia parecer à primeira vista.”
 (Sua Alteza Imperial e Real Príncipe Dom Luiz, Chefe da Casa Imperial do Brasil.)

“Será que, se papai aceitasse o golpe, não ficaria com uma dívida com os militares? Algo parecido com os financiadores de campanha na República?”
 (Sua Alteza Imperial e Real Príncipe Dom Bertrand, Príncipe Imperial do Brasil.)

“A única maneira de o Imperador assumir o Trono é a Aclamação dos Povos.”
 (Sua Alteza Real Príncipe Dom Antonio do Brasil.)

Com suas sábias palavras, os três Príncipes, que seguem um ao outro na Linha de Sucessão ao Trono Imperial Brasileiro, mostram o quão bem preparados foram, por seu pai, para servirem ao Brasil e ao povo brasileiro.
 
Apenas a Restauração da Monarquia poderá garantir a democracia e a prosperidade no Brasil, pois o Imperador permanecerá acima das querelas partidárias e das paixões ideológicas, guiando todos os brasileiros na construção de um País que liderará o Concerto das Nações e brilhará em meio à Cristandade. — com Dom Pedro Henrique de Orleans e Bragança, Marechal Humberto Castelo Branco, Marechal Artur da Costa e Silva, General Emílio Garrastazu Médici, General Ernesto Beckmann Geisel e General João Baptista de Oliveira Figueiredo em Vassouras.
 
  Causa Imperial
https://www.facebook.com/photo.php?fbid=241005986023667&set=a.205514242906175.1073741828.205410729583193&type=1&theater
Aos 8:21 do vídeo abaixo, o Príncipe D. Antônio foi bem direto e claro, para qualquer criancinha entender... Faça a tua parte, se opondo e denunciando a implantação do Pegajoso Organismo das Insaciáveis Facções Narco-Psicopatas-Partidárias Copartícipes dos Regimes-Síndico-Comuna-Socialistas-Golpistas, à serviço das Organizações Criminosas da Máquina de Prostituição Parlamentar do Poder Central...
“(...) Então nós aqui monarquistas, o movimento que fazemos parte, é um movimento de reação a isso. Nós temos obrigação de irmos contra isso, não devemos ter medo de falar contra abertamente mesmo que soframos as consequências, nós temos obrigação, porque isso é em defesa da garantia do bem do nosso país. Eu tenho certeza que essa é a linha de todos nós, D. Luiz, D. Bertrand, D. Rafael e todos os membros da Família Imperial, em defesa ao povo, em defesa aos valores, aos verdadeiros valores da nossa nação; e não só da nossa nação; a partir do momento em que ela passe a encarar esses valores, ela passa a ser um espelho para todo o resto do mundo... Esse é o nosso papel, esse é o papel que nós todos da família estamos prontos a apoiar, trabalharmos juntos e lutarmos, irmos para a frente de batalha junto com todos os Senhores e Senhoras que estão aqui presentes (...)”. 



http://emanuelnunessilva.blogspot.com.br/2013/10/comunismo.html 
Os Regimes de Exceção: Autoritários, Totalitários, Ditatoriais... Que suprimiram as liberdades alcançadas pela Democracia da Monarquia Parlamentar Imperial Brasileira, a partir de 15 de novembro de 1889, são invenções dessa República Golpista nunca proclamada de fato, imposta arbitrariamente como o primeiro regime ditatorial militar da História do Brasil. Tragédia que interrompeu o nosso destino de grandeza, cujas suas predadoras consequências se estenderam pelo futuro...
Não se prostitua nessa promiscuidade política partidária republicana brasileira. Pare de defender ou idolatrar partidos e políticos. Políticos não passam de Funcionários Públicos muito bem pagos com as mais altas taxas tributárias do planeta, para servirem ao país e os anseios do povo. Quem paga seus altos salários é você, eles são teus empregados... Só que eles não querem que você saiba disso.
- XVIII -
Brasil República & Desgraça Nacional

A Tragédia Nacional da Inútil Fracassada República de Mentira da Seita Positivista que Acabou com o Brasil 
• 
A• Os Regimes de Exceção: Autoritários, Totalitários, Ditatoriais... Que suprimiram as liberdades alcançadas pela Democracia da Monarquia Parlamentar Imperial Brasileira, a partir de 15 de novembro de 1889, são invenções dessa República Golpista nunca proclamada de fato, imposta arbitrariamente como o primeiro regime ditatorial militar da História do Brasil. Tragédia que interrompeu nosso destino de grandeza, cujas suas predadoras consequências se estenderam pelo futuro... 

B• Em 7 de setembro de 1822 o Brasil se emancipa, culminando em seguida na Fundação do Império do Brasil Independente e Soberano. Constitui um Governo pela Forma Monárquica Parlamentar Constitucional Representativa, considerada a mais liberal e democrática entre o universo das nações em seu tempo. No Segundo Reinado, a Armada Imperial junto com a Marinha Mercante foi a 2ª Potência Naval do Planeta. Com status de 3ª Economia e Potência Global, ladeava com Inglaterra, França e Estados Unidos, como uma das nações mais respeitadas. O Destino de grandeza do Brasil foi interrompido em 15 de novembro de 1889, por um Crime de Alta Traição cometido por alguns membros da Seita Positivista.
C• Com o golpe militar de 15 de novembro de 1889, que depôs Dom Pedro II, o Brasil deixa de ser um Império seis dias após o baile da Ilha Fiscal na Capital do Império, ocorrido no sábado de 9 novembro de 1889, em homenagem aos oficiais do navio chileno "Almirante Cochrane". À partir do ato simbólico da Proclamação da República do Brasil pelo Marechal Deodoro da Fonseca, formalizado em 15 de novembro de 1889, um novo regime é estabelecido e, assim, surge o período da história brasileira denominado Brasil República que perdura até os dias de hoje. Após a formação da república, o Brasil teve vários nomes posteriores, conforme as alterações no governo, incluindo "Estados Unidos do Brasil".

D• Com relação a fundamentação filosófica dos grupos militares e latifundiários (ruralistas), a filosofia de Augusto Comte, o Positivismo teve papel marcante e relevante, inclusive com a participação da Igreja Positivista do Brasil, fundada no dia 11 de maio de 1881 por Miguel de Lemos. De acordo com Valentim: "A Constituição Republicana, orquestrada no contexto da Proclamação da República, sinaliza à compreensão de como o ideário do Positivismo criado na França por Augusto Conte, enquanto corrente de pensamento norteadora, juntamente com a Constituição dos Estados Unidos, influenciaram no texto constitucional brasileiro promulgado em 1891."

E• "República Federativa do Brasil" é o nome oficial atual do Brasil, uma democracia (ainda considerada Imperfeita pelo Índice de Democracia avaliados pelos órgãos especializados internacionais) presidencialista, reestruturada em 1986 com o fim do último Regime Militar Ditatorial inserido e formalizado em 1 de abril de 1964 pelo Exército Brasileiro.
F• Em 7 de setembro de 1822 o Brasil se emancipa, culminando em seguida na Fundação do Império do Brasil Independente e Soberano. Constitui um Governo pela Forma Monárquica Parlamentar Constitucional Representativa, considerada a mais liberal e democrática entre o universo das nações em seu tempo. No Segundo Reinado, a Armada Imperial junto com a Marinha Mercante foi a 2ª Potência Naval do Planeta. Com status de 3ª Economia e Potência Global, ladeava com Inglaterra, França e Estados Unidos, como uma das nações mais respeitadas. O Destino de grandeza do Brasil foi interrompido em 15 de novembro de 1889, por um Crime de Alta Traição cometido por alguns membros da Seita Positivista.
G• A despeito da intensa propaganda republicana, a idéia da mudança de regime político não ecoava no país. Em 1884, foram eleitos para a Câmara dos Deputados, apenas três republicanos. Na legislatura seguinte, apenas um conseguiu ser eleito. Na última eleição parlamentar realizada no Império do Brasil, a 31 de agosto de 1889, o Partido Republicano só elegeu dois Deputados. Percebendo que não conseguiriam realizar seu projeto político pelo voto, os republicanos contrariando a democracia da Monarquia Parlamentar (Constitucional) do Império do Brasil, optaram por concretizar seus ideais alienígenas adversos à autêntica Identidade Nacional pelos piores caminhos possíveis. Apelando pelo Golpe de Estado (Militar), fundando o primeiro Estado de Exceção da História do Brasil.

H• O primeiro partido republicano no Brasil foi o Partido Republicano Paulista, (PRP), criado na Convenção de Itu em 1873. O PRP era um partido legalizado apesar de o Brasil ser uma Monarquia. O PRP conseguiu eleger apenas três deputados na Assembléia Geral de Deputados durante toda a sua existência no Império do Brasil (1822-1889), porém, conseguiu infiltrar-se no meio militar, o que foi decisivo para a queda da Monarquia Parlamentar Constitucional Representativa Imperial Brasileira, conseguintemente do Imperador Dom Pedro II, para fundarem arbitrariamente a República dos Estados Unidos do Brasil.
O Golpe ocorreu na Praça da Aclamação (atual Praça da República) na Cidade do Rio de Janeiro, então Capital do Império do Brasil, quando um grupo de militares do Exército Brasileiro liderados pelo Marechal Deodoro da Fonseca, destituiu arbitrariamente alheio a opinião pública o Imperador D. Pedro II, assumindo o poder no país. Foi instituído naquele mesmo dia 15 um governo provisório republicano. 

I• Faziam parte desse governo, organizado na noite de 15 de novembro de 1889, o Marechal Deodoro da Fonseca como Presidente da República e Chefe do Governo Provisório; o Marechal Floriano Peixoto como Vice-Presidente; como ministros, Benjamin Constant Botelho de MagalhãesQuintino BocaiuvaRuy BarbosaCampos SalesAristides LoboDemétrio Ribeiro e o Almirante Eduardo Wandenkolk, todos membros regulares da Maçonaria Brasileira; todos membros de uma sociedade secreta da Faculdade de Direito do Largo de São Francisco, da Universidade de São Paulo, chamada de "Bürschenschaft Paulista", ou "Studentenverbindung" (algo como confraria da camaradagem, em alemão), mais conhecida como "Bucha", criada, em 1831, pelo Professor Julius Frank (1808 - 1841). Os membros da Bucha procuravam, quando alcançavam um alto cargo político, chamar seus colegas da Bucha para sua equipe.
J• A República Brasileira para se manter apelou por concentrar todos os direitos e regalias no Estado, excluindo sistematicamente as liberdades e prerrogativas individuais. Imposto como um Regime Totalitarista Presidencialista Republicano, inaugurou a primeira Ditadura Republicana Brasileira. Seu “Proclamador” e também primeiro Presidente da República, cedo foi deposto em função da sua fracassada experiência como Ditador do Estado de Exceção que acabara de ajudar a criar, caracterizado por diversas Crises Institucionais & Constitucionais, que desestabilizaram e arruinaram o país, cujas suas desastrosas consequências se estenderam pelo futuro. Desiludido o Marechal Deodoro da Fonseca quis ser enterrado sem a farda que caracterizava a instituição que dizia liderar. Hoje temos o paradoxo do Brasil se pretender democrático e sério, fazendo um Feriado Nacional em dia de Golpe de Estado.
K• As Crises Institucionais cada vez mais se agigantam nesta Decadente República, de fracasso em fracasso já somam: 12 Estados de Sítios, 17 Atos Institucionais, 6 Dissoluções do Congresso, 19 Revoluções ou Intervenções Militares, 2 Renuncias Presidenciais, 3 Presidentes Impedidos, 4 Presidentes Depostos, 6 Constituições Diferentes, 4 Ditaduras e 9 Governos Autoritários... Ao longo destes últimos 124 anos dos tortuosos meandros de falcatruas, fracassos... Ilusões. Não satisfeitos agora mais uma vez querem REFUNDAR a desgraça que foi e está sendo esta 6ª REPÚBLICA, reinventando uma tal 7ª República salvadora da pátria, porque finalmente descobrem que não tem funcionado. Quando vão descobrir que o problema está nessa moralmente ilegal República de Mentira?

L• Na Desgraça Nacional Republicana Brasileira, entre os Mandos e Desmandos nesses 125 anos de estagnação e fracassos, já se somam:

● 12 Estados de Sítios,
● 17 Atos Institucionais,
● 6 Dissoluções do Congresso,
● 19 Revoluções ou Intervenções Militares,
● 2 Renuncias Presidenciais,
● 3 Presidentes Impedidos,
● 4 Presidentes Depostos,
● 6 Constituições Diferentes,
● 4 Ditaduras e 9 Governos Autoritários...

M• Mais os 29 últimos anos perdidos com a 6ª tentativa de ressuscitar a República Brasileira com a fracassada invenção dessa Nova República, que nos conduziu mais uma vez a um grande vazio. E tudo indica que a burrice dos dementes políticos republicanos brasileiros, indiferentes ao que já funcionou a contento na história dessa nação fundada em 1822 como um Império, continuarão como insaciáveis varejeiras, investindo na inauguração de novas repúblicas brasileiras.

● - República Velha - 1ª República (1890
1930): Ditadura
● - República da Espada (1894): Ditadura
● - República do Café-com-Leite
● - Aniversário dos 50 anos da Proclamação da República.
● - Era Vargas - (19301945): Ditadura - Regime Totalitário & Autoritário
● - Quarta República (19461964)
● - Governo Provisório (Brasil)
● - Governo Constitucionalista
● - Estado Novo
● - Último Regime Militar - 5ª República (1964–1985): Ditadura - Castelo BrancoCosta e SilvaMédiciGeisel e Figueiredo.

N• Constituições do Brasil Independente:
● Constituição de 1824 - 1ª Constituição do Estado Brasileiro Independente e Soberano. Funcionou durante todo o período Monárquico Parlamentar Constitucional Representativo no Império do Brasil (18241889).
● Constituição de 1891 - 1ª Constituição da República
● Constituição de 1934 - 2ª Constituição da República
● Constituição de 1937 - 3ª Constituição da República
● Constituição de 1946 - 4ª Constituição da República
● Constituição de 1967 - 5ª Constituição da República
● Constituição de 1988 - 6ª Constituição da República
Máxima Monárquica:
"O Monarca pensa nas próximas Gerações... O Presidente pensa nas próximas Eleições."
- XIX -
COMUNISMO & NAZISMO
(...) O comunismo procurou uma fundamentação teórica nas teorias do estado dos sofistas gregos e na obra "República" de Platão. No entanto, o comunismo encontrou bem cedo críticos severos, como Aristóteles. O comunitarismo cristão da Igreja Primitiva (descrita no livro de Atos dos Apóstolos da Bíblia), é por vezes comparada como uma forma de comunismo, por apresentar alguns dos mesmos princípios, como o desinteresse pelos bens materiais e um amor generalizado pelo próximo. (...) Entretanto parece que os Comunistas Contemporâneos procuram, procuram... E ainda não se encontraram em lugar algum.

 "Duma decidiu que é hora de "deleninizatsii" (desleninezar = desinfetar) cidades e vilas russas. A idéia foi apoiada pelo partido Rússia Unida.
O Vice-Presidente de Estado do Comitê do Duma, sob as sugestões de Alexander Kurdiumov (LDPR) tomou a iniciativa de mover os monumentos ao líder da revolução mundial Vladimir Lenin das cidades russas."
"- As autoridades locais serão capazes de realizar um referendo ou uma pesquisa de opinião entre todos os moradores das localidades, para descobrir qual é o melhor destino a ser dado para as estátuas. Se necessário, encontrar um local adequado e movê-las, e se não, então desmontar e enviar para o museu ou vender para colecionadores, e os fundos alocados utilizados para a restauração de áreas "Pridvorova", parques e parques paisagísticos, - disse o parlamentar."
Totalitarismo (ou Regime Totalitário) é um sistema político no qual o Estado, normalmente sob o controle de uma única pessoa, político, facção ou classe social, não reconhece limites à sua autoridade e se esforça para regulamentar todos os aspectos da vida pública e privada, sempre que possível. O totalitarismo é caracterizado pela coincidência do autoritarismo (onde os cidadãos comuns não têm participação significativa na tomada de decisão do Estado) e da ideologia (um esquema generalizado de valores promulgado por meios institucionais para orientar a maioria, senão todos os aspectos da vida pública e privada).

Os regimes ou movimentos totalitários mantêm o poder político através de uma propaganda abrangente divulgada pelos meios de comunicação controlados pelo Estado, um partido único que é muitas vezes marcado por culto de personalidade, o controle sobre a economia, a regulação e restrição da expressão, a vigilância em massa e o disseminado uso do Terrorismo de Estado.
(...) "Aqueles que cometeram esse bárbaro crime são tão culpados quanto os que o aprovaram por décadas. Somos todos culpados. É impossível mentir para nós mesmos, justificando crueldade sem sentido por motivos políticos. A execução sumária da Família Romanov é resultado de uma divisão intransigente na Rússia, entre "nós" e "eles" na sociedade. Os resultados desta divisão podem ser vistos até agora. (...) Qualquer tentativa de mudar a vida pela violência está condenada ao fracasso. Temos que acabar com o século, que tem sido uma época de sangue e violência na Rússia, com arrependimento e paz, independentemente de pontos de vista Políticos, Étnicos ou Religiosos que pertençam. Esta é a nossa oportunidade histórica. Na véspera do terceiro milênio, é preciso fazê-lo para o bem da nossa geração e as que virão." (...) 
Boris Yeltsin

URL da Imagem
Essa República de Mentira nada acrescentou de útil, virtuoso e verdadeiro ao Brasil. Por mais que me esforce, não consigo ver nobreza alguma em vossos representantes políticos republicanos... Tampouco algo em suas atitudes que os honrem e engrandeçam.
- XX -
Enquanto isso na República Federativa do Brasil!... 
Existe um paradoxo entre as posturas das Repúblicas, quanto suas autoridades de opinarem sobre Golpe de Estado Inconstitucional, quando 99% delas principiaram com um criminoso Golpe de Estado. No caso da Fundação do primeiro Estado de Exceção da História do Brasil em 1889, houve um genocídio nos seus 10 primeiros anos de fracassos em nome da sua consolidação, onde 200.000 pessoas foram mortas; a maioria delas sumariamente, numa época em que a população brasileira era 11 vezes menor que a atual, o que corresponde quantitativamente na atualidade a 2.000.000 de mortos. Quando estas repúblicas questionam seus golpes menores dados nos Golpes delas mesmas, é o mesmo que se estivessem questionando suas próprias legitimidades.
(...) "À medida em que o povo foi tomando conhecimento do acontecido, movimentos pela volta da Família Imperial começaram a eclodir por todo o Brasil. O governo republicano os destroçou com punho de ferro. (...)"
Enquanto isso a Presidenta na República do Brasil:
Dilma proibiu os Militares Brasileiros de comemorarem o Dia 31 de março (Contra-Golpe de 64). Entretanto ela prefere comemorar a Revolução Cubana que já assassinou mais de 85.000 cubanos naquela ilha prisão cuja população equivale apenas a da Grande São Paulo.
Vejam o que Dilma fala aos 3:20 minutos deste vídeo com uma gigantesca Bandeira Cubana ao fundo.
Outrora a Terrorista Dilma nunca lutou pela Democracia. 

O Brasil não possui melhor opção neste degradado ambiente de inconstitucionalidades desta fracassada República. O Momento Político é oportuno para o reencontro dos brasileiros com a sua História, com as suas tradições, com o seu destino de grandeza interrompido por uma traição; redirecionando a Nação Brasileira a sua original Vocação de Grandeza Imperial, onde cargo político é missão. Basta lembrar ao povo que já estivemos bem na História, e aos militares do Exército que seu Patrono é o Duque de Caxias..
 CUBA • Fidel Castro • Ernesto "Che" Guevara • Comunismo 
- XXI -
Algumas Matérias deste Blog
D. Pedro II 
URL
01 • A MUDANÇA